Moradores com imóveis identificados da Zona E já podem agendar atendimento

Hoje, às 19 horas, haverá live para esclarecer dúvidas do programa no canal do Integra.mcz no youtube

Por Assessoria | Edição do dia 10 de agosto de 2020
Categoria: Maceió, Notícias | Tags: ,,


Foto: Divulgação

A partir de hoje, os moradores da Zona E que tiveram seus imóveis identificados entre os dias 28 de julho e 1º de agosto podem ligar no 0800 006 3029 para tratar do processo de realocação. Os técnicos sociais identificaram cerca de 400 imóveis no Bebedouro e parte do Pinheiro da Zona E, que foi incluída em julho no acordo de desocupação.

A ligação no 0800 é necessária para entrar no Programa de Compensação Financeira e Apoio à Realocação da Braskem. Será agendada a reunião com um técnico social e os moradores receberão as instruções quanto aos documentos necessários* para o recebimento dos auxílios financeiros do programa (a lista completa está no site braskem.com.br/alagoas, ou pode ser consultada também pelo 0800). A recomendação é que esses documentos já sejam providenciados para acelerar o atendimento. Os moradores da Zona E terão acesso a todos os serviços, como apoio de imobiliárias na busca por um imóvel provisório, abertura de conta bancária, guarda-móveis e acolhimento temporário de animais.

Os técnicos sociais continuam em campo para identificar os imóveis do Bom Parto e Pinheiro. No total, a Zona E compreende cerca de 2 mil imóveis.

Esclarecimento de dúvidas
Hoje, a partir das 19 horas, a Braskem vai esclarecer as dúvidas dos moradores em uma transmissão ao vivo no canal do Integra.mcz no Youtube. Ela será apresentada por Fernando Mota, responsável pelo Programa de Compensação Financeira e Apoio à Realocação (PCF). Ele vai tirar dúvidas sobre o programa, como é a compensação aos moradores, a realocação dos comerciantes e ações nos bairros. Perguntas em mensagem ou vídeo podem ser enviadas pelo whatsapp do Integra.mcz (82) 99973.7161. A live ficará depois disponível para o público no YouTube.

*Documentos necessários
Para realocação:
·         Comprovante de identificação – RG e CPF (carteira de trabalho, carteira de associação funcional, como OAB, Conselho Regional de Enfermagem)
·         Comprovante de residência – qualquer correspondência, mas, de preferência de energia, de telefone, IPTU ou bancária
·         Dados bancários – pode ser uma conta corrente ou conta poupança
Para compensação:
·         Documento com foto – RG ou CNH
·         Matrícula atualizada ou escritura pública de compra e venda

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados