Livro de alagoana mistura realismo fantástico e análise social

Livro de alagoana mistura realismo fantástico e análise social

Por | Edição do dia 26 de novembro de 2018
Categoria: Cultura | Tags: ,,,,,


Está definida a capa do livro “Etnotrancoso Alagoano: Colóquios Não Autorizados”, da escritora Ana Cláudia Laurindo.

A foto é do rio Camaragibe, passando por debaixo da ponte que dá acesso ao município de Matriz de Camaragibe, litoral norte alagoano.

É neste cenário que a autora fala das muitas histórias da cidade de Enterro, unindo ficção e realidade.

Como a do pastoril admirado pelo velho Anphilofio – e havia quem dissesse que ele tinha mais interesse nas pernas nuas das meninas, investindo dinheiro tanto no cordão azul quanto no encarnado.

A ética da cidade apostava nos “sortudos”, os “privilegiados”. Em Enterro quem estava de fora sonhava em participar de uma realidade exótica, mas compreensível naquelas terras cercadas pela cana de açúcar, as histórias de trabalhadores jogados nas caldeiras ferventes das usinas.

Ana Cláudia Laurindo já publicou 4 livros. “Etnotrancoso…” é o 5o, mas o primeiro em que ela mistura realismo fantástico e análise social.

A autora é cientista social, mestra em Educação. Em seus livros ela analisa o racismo na escola, a violência e as relações político-partidárias.

O livro será lançado no dia 6 de dezembro, no Memorial à República (praia da Avenida), das 18hs30 às 22 horas.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados