JHC lança programa Alfabetiza Maceió para contemplar quase 30 mil alunos

Programa é considerado pelo gestor da capital alagoana a maior iniciativa de alfabetização já vista em todo o Estado

JHC lança programa Alfabetiza Maceió para contemplar quase 30 mil alunos

Programa é considerado pelo gestor da capital alagoana a maior iniciativa de alfabetização já vista em todo o Estado

Por Assessoria | Edição do dia 20 de setembro de 2021
Categoria: Educação | Tags: ,,


O prefeito de Maceió, JHC, lançou nesta segunda-feira (20), o Alfabetiza Maceió, programa que visa fortalecer a alfabetização de alunos, por meio de formação continuada dos professores da rede municipal. Na ocasião, o prefeito assinou convênio de cooperação técnica com a Fundação Lemann e o Instituto Bem Comum, que serão responsáveis pela formação dos docentes. O programa foi lançado na Escola Municipal Nosso Lar, na Ponta Grossa.

“Com o Alfabetiza Maceió, vamos conseguir a permanência dos alunos na escola e abarcar a alfabetização daqueles que não conseguiram se alfabetizar na idade correta, por isso, os alunos do EJAI (Educação de Jovens, Adultos e Idosos) também serão contemplados”, disse JHC.

O prefeito agradeceu ainda o apoio e a cooperação técnica da Fundação Lemann. “Vai fazer com que nossa rede, e que os quase 30 mil alunos sejam beneficiados, através da metodologia que será aplicada por nossos professores e, com isso, vamos melhorar o nível de aprendizagem da alfabetização do nosso município. É o maior programa de alfabetização já visto no Estado”, garantiu.

Serão contemplados 29.314 alunos, e 1.123 professores das escolas municipais, além de 174 diretores e 142 coordenadores pedagógicos, das 87 escolas que atendem aos alunos beneficiados com o programa. O Alfabetiza Maceió também irá contribuir na elevação do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB).

O vice-prefeito de Maceió, Ronaldo Lessa, afirmou que a educação é prioridade na gestão. “Nossa prioridade é a educação. Não tenho palavras para parabenizar os educadores, e não há transformação em lugar nenhum, se não for através da educação”, disse.

O secretário de Educação, Elder Maia, explicou que o Município tem um dever com a sociedade em entregar para as famílias, crianças alfabetizadas e prontas para adquirir novos conhecimentos.

Foto: Reprodução

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados