Já separou sua toalha hoje? 25 de maio é uma data especialmente reservada aos nerds

Já separou sua toalha hoje? 25 de maio é uma data especialmente reservada aos nerds

Por | Edição do dia 25 de maio de 2016
Categoria: Cultura | Tags: ,,,,,,,,


Douglas Adams

Dia 25 e a homenagem a Douglas Adams e sua obra (Foto: internet)

 “A toalha é um dos objetos mais úteis para um mochileiro interestelar”. Desconhece a frase? Então provavelmente você também desconhece o Towel Day, ou no bom português, o Dia da Toalha. Ficou mais confuso ainda? Então vamos desvendar juntos, esse mundo que poucos conhecem.

Hoje, 25 de maio, é internacionalmente conhecido como o Dia da Toalha, uma forma de referenciar um dos principais nomes da cultura nerd: Douglas Adams e o Guia do Mochileiro das Galáxias, uma das obras de ficção científica mais importantes da literatura mundial.

Segundo o próprio site do towelday.org:

“Towel Day is an annual celebration on the 25th of May, as a tribute to the late author Douglas Adams (1952-2001). On that Day, fans around the universe carry a towel in his honour”

“O Dia da Toalha é uma celebração anual no dia 25 de maio, como um tributo ao falecido autor Douglas Adams (1952-2001). Neste dia, fãs ao redor do Universo carregam uma toalha em sua honra”

A data também é conhecida como o “Dia do Orgulho Nerd” e se tornou marcante pela estreia do primeiro filme da saga Star Wars, de George Lucas, em 1977. Alguns verdadeiros “fanáticos” preferem comemorar o feito no dia 4 de maio, fazendo alusão à um trocadilho da frase clássica “May be fourth be with you” (Que a força esteja com você), brincando com a escrita “May 4th” e “May the Force”.

3unp7gv8kaybbcfh1vqbfh407

O Dia do Orgulho Nerd também homenageia a prémiere do primeiro filme de Star Wars, ocorrida em 1977 (Foto: internet)

Mas chegou a hora de “beber” da própria fonte! Nós conversamos com o/as nerds para desvendar opiniões e saber quem eles são de verdade e o que eles gostam de fazer.

Ana Gabi Salgueiro, estudante de relações públicas na Universidade Federal de Alagoas (Ufal), começou a se identificar como nerd no momento em que percebeu que era nerd, desde pequena. E essa avaliação sobre si mesma aconteceu devido a comportamentos diferentes dos demais pré-adolescentes de sua época.

Ana Gabi Salgueiro

Para Gabi, ser nerd é ir mais além com o conhecimento (Foto: arquivo pessoal)

“Eu percebi que eu ia um pouco além do que as outras pessoas faziam com relação a conhecer coisas. Não só da cultura pop, mas também coisas do meu interesse: games, jogos, jogos mobile e tudo mais, e aí eu percebi que eu era nerd”, explicou.

Ela também sempre buscava e estudava mais informações sobre os filmes e as séries que acompanhava. Enquanto uns apenas assistiam, ela procurava o nome dos autores, atores, curiosidades, entrevistas e muito mais.

Para a estudante, o modo como as pessoas identificam e imaginam um nerd mudou bastante, inclusive ela notou essa mudança desde o tempo de colégio.

“Eu não era a menina que tinha namoradinhos, que saía pra festas. Eu era a menina que entendia dos livros e das séries e que assistia 25 séries por semana, era um pouco diferente como viam. Mas hoje, quando você fala que é nerd ou que conhece um nerd, você acha legal”, revelou.

Ser nerd é ir mais além do que as outras pessoas estão acostumadas a irem. É a pessoa que estuda um determinado assunto e que domina muito sobre ele. Então, como a Gabi Salgueiro explicou, você pode ser um nerd de cultura pop, de música, de séries, de livros. Porém, não basta apenas gostar, tem que conhecer a fundo.

Nerd ou geek?

Elôh

Eloysa já nutria paixão pelos quadrinhos, videogames e literatura na pré-adolescência (Foto: arquivo pessoal)

A também estudante de relações públicas da Ufal, Eloysa Lopes, foi identificada na pré-adolescência, pelos outros, como “a nerd” em todos os lugares. E isso aconteceu porque ela já gostava bastante de quadrinhos, videogames e literatura. Para ela, existem sim diferenças entre o nerd e o geek.

O nerd, na verdade, é qualquer pessoa que se especializa em algo que se interessa. Existem os nerds de quadrinhos, de músicas, jogos e etc. Já o geek, é uma galera mais antenada, que se interessa mais por gadgets [aparelhos eletrônicos], jogos e tecnologia em geral”, explica.

E será que dá para reconhecer quem são os verdadeiros nerds ou os “posers” (falsos)? Para Eloysa, isso é muito fácil.

Um poser nunca sabe a fundo do que está falando, e esta seria a maior característica do nerd. O que acontece é que na verdade, a cultura pop que antes era apreciada apenas por nerds e discriminada pela maioria das pessoas, voltou a ser cultura POP”.

Já para Wesley Barbosa, estudante de Direito e também nerd, não é interessante fazer essas diferenciações.

“Eu não gosto de separar nerds puro sangue e posers. O universo nerd se expandiu e tem tantas fronteiras, RPG, ficção, fantasia, filmes, séries, livros. Essa ideia de diferenciação só faz afastar e limitar o público”, colocou.

Wesley Barbosa

Aos 10 anos, Wesley passava o tempo com animes e jogatinas intensivas de RPG e outros jogos (Foto: arquivo pessoal)

Dia da Toalha ou do Orgulho Nerd?

Como foi dito no início da matéria, há momentos históricos diferentes para o 25 de maio ter se tornado tão importante para a cultura nerd. Para Gabi Salgueiro, é mais uma questão de peneira:

“Se você conhece uma pessoa que comemora o Dia do Orgulho Nerd e não sabe o que é o Dia da Toalha, eu acho que temos um problema aí… [brinca]. Não é exatamente esse tipo de nerd que o Dia da Toalha comemora. Ficou conhecido como o Dia do Orgulho Nerd porque foi uma forma da mídia explicar o que é o Dia da Toalha, dizer apenas que os nerds comemoram esse dia, mas pra quem sabe o que significa eu acho que é mais uma peneira”.

Indo mais além… Sabe aqueles estereótipos das produções cinematográficas hollywoodianas em que os nerds sempre eram aqueles rejeitados, machucados e maltratados? Talvez não seja apenas um exagero, mas uma realidade que acontecia de fato. Ainda trazendo a fala da estudante, tanto o Guia dos Mochileiros das Galáxias quanto a data 25 de maio são uma homenagem muito bonita para quem sofreu na pele por ser, simplesmente, nerd.

“Essa cartela [Guia dos Mochileiros] veio justamente dessa primeira geração, das pessoas que realmente sofreram por ser nerd, sofreram bullying, que as outras pessoas machucavam sentimentalmente e fisicamente porque elas estudavam um pouco mais. E aí esse dia veio que como uma boa comemoração. Claro que só entende quem conhece, é uma coisa bem oculta, que acabou virando um acontecimento por causa de Star Wars, mas que eu acho uma homenagem muito bonita”, concluiu.

Exímios colecionadores?

Além de terem ótimos conhecimentos sobre temas específicos, filmes, séries e jogos que os interessem, os nerds também apreciam bastante o lado colecionadores de artigos especiais. Tanto que reverenciam obras significativas até produções que eles amam e acompanham sempre. Para isso, separamos os principais tipos de coleções que nossos entrevistados têm. Vamos conhecer?

Ana Gabi Salgueiro
Coleciona:
Camisetas, canecas/copos e livros. Bastantes livros que já não cabem em seu quarto.

“Quase tudo no meu quarto tem referência a alguma coisa que me marcou, de séries ou livros”

Eloysa Lopes
Coleciona: um vasto inventário de produtos de Star Wars: camisetas, canecas, action figures, dossiês e muito mais.

“Tenho tatuado no braço também uma referência ao filme O Senhor dos Anéis. Não tenho muita coisa sobre jogos, apesar de passar bastante tempo jogando, não me considero gamer [jogadora]”

Wesley Barbosa
Coleciona:
muitos artigos referentes a Game of Thrones e de outros universos que não caíram tanto em voga na mídia, como o Mundo das Trevas e Forgotten Realms.

“Game of Thrones agora é meio paixão. Acompanho muitas séries e já acompanhei animes mais do que hoje”

Acompanhamento de produções

Se um bom nerd é aquele que tem um excelente conhecimento, principalmente sobre filmes, séries, games ou obras literárias, como histórias em quadrinhos (HQ’s), então é porque consomem muito dessas produções. Separamos também os gêneros e estilos que eles têm mais preferência e acompanham sempre. Quem sabe você não se identifica e também começa a conhecer?

Ana Gabi Salgueiro
Filmes – os preferidos são sobre fantasia, ficção científica, realidade fantástica e muitas animações
HQ’s – principalmente da Marvel
Livros – interessa mais por ficção

Eloysa Lopes
Séries –
as favoritas são sobre ficção científica, aventura e terror
Filmes –
preferência por ficção científica, terror e animação
HQ’s –
adora quadrinhos típicos de super heróis, mas têm lido trabalhos independentes que falam da vida cotidiana de forma crítica e engraçada

Wesley Barbosa
Séries –
todas que consegue e que passam na Netflix
Livros – do universo de Game Of Thrones e de um cenário antigo de RPG conhecido por Trevas ou storyteller
Temas principais
– ficção, fantasia, história medieval e o horror baseado em hp lovecraft

Deu para conhecer um pouco mais sobre a data histórica e a cultura nerd? Seja entendendo muito bem sobre qualquer assunto ou acompanhando séries, livros, filmes ou games, a história dos nerds precisa ser conhecida e contada pela sua importância na sociedade. Afinal, grandes produções cinematográficas, literárias, de games e até a moda ganharam grandes proporções e popularidade por causa deles.

*Com supervisão da editoria

 

 

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados