Inclusão da cultura afro-brasileira no currículo escolar será debatida nesta quinta (9)

Instituto Raízes de África em parceria com secretarias estaduais discutem ações e estratégias para garantir que lei seja cumprida

Inclusão da cultura afro-brasileira no currículo escolar será debatida nesta quinta (9)

Instituto Raízes de África em parceria com secretarias estaduais discutem ações e estratégias para garantir que lei seja cumprida

Por | Edição do dia 8 de janeiro de 2020
Categoria: Ultimas Notícias | Tags: ,,


61df88e12d10d7629c0aeb84488aa2d4_L

Foto: José Arnaldo

No dia 9 de janeiro de 2003, o Governo Federal sancionou a Lei nº 10.639/03, que determina a obrigatoriedade da inclusão do tema “História e Cultura Afro-Brasileira” no currículo escolar das escolas brasileiras. Em Alagoas, segundo Estado do Brasil a estadualizar a Lei Federal, o assunto será discutido com a sociedade alagoana, nesta quinta feira (9), na Roda Preta de Conversa “Em nome da Lei nº 10.639/03, 17 anos depois.

Promovido pelo Instituto Raízes de Áfricas, em parceria com a Secretaria de Estado de Prevenção à Violência (Seprev) e  Secretaria de Estado do Gabinete Civil, o encontro vai tratar principalmente sobre o subtema “Construindo plano estratégico de ações, para além do 20 de Novembro”, na busca de elaborar em conjunto uma educação antirracista no estado.

Segundo a idealizadora do encontro Arísia Barros, ativista preta das terras de Palmares e coordenadora do Instituto Raízes de África, a proposta da ação é agregar forças de novas coletividades para a criação, ampliação e inserção da temática de combate ao racismo na sociedade

“É fundamental que as instituições troquem experiências, bem sucedidas ou não, de escolas e educadores, a fim de encontrar caminhos para novas estratégias e desenvolver ações inclusivas que substanciem o respeito às diferenças pra além do ambiente escolar”, ressaltou a ativista.

O evento contará também com a participação de representantes de movimentos sociais e secretarias de Estado, dentre elas confirmaram participação: Secretaria de Estado da Educação (Seduc),Secretaria de Estado do Planejamento Gestão e Patrimônio (Seplag),Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz), Secretaria de Estado de Prevenção à Violência (Seprev) Secretaria da Mulher e dos Direitos Humanos (Semudh) e Secretaria Municipal de Educação de Maceió (Semed).

Serviço:

Roda  Preta de  Conversa “Em nome da Lei nº 10.639/03, 17 anos depois…”, com o sub tema: “Construindo plano estratégico de ações,  para além do 20 de novembro.
Quando: quinta-feira / 9 de janeiro

Hora e local: 9h – Sala dos Conselhos, Palácio República dos Palmares, em Maceió,AL.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados