Homem é preso suspeito de tráfico de drogas no Jacintinho

Segundo os agentes, o suspeito trafegava em um mototaxi e portava três pequenos vidros contendo cocaína

Por | Edição do dia 10 de janeiro de 2019
Categoria: Notícias, Polícia | Tags: ,,,,,


Suspeito de tráfico é identificado e pessoas em situação de vulnerabilidade são acolhidas por equipes do Ronda no Bairro (Foto: Márcio Ferreira)

Suspeito de tráfico é identificado e pessoas em situação de vulnerabilidade são acolhidas por equipes do Ronda no Bairro (Foto: Márcio Ferreira)

Agentes de proximidade do programa Ronda no Bairro prenderam um jovem de 23 anos suspeito de tráfico de drogas em abordagem feita na manhã desta quinta-feira (10), na Avenida coronel Paranhos, na altura da rádio 96 FM, no Jacintinho, em Maceió.

Segundo os agentes, o suspeito trafegava em um mototáxi quando chamou a atenção pelo comportamento suspeito. Ele portava três pequenos vidros contendo cocaína. Aos policiais, o jovem afirmou ser consumidor, porém, em uma conversa encontrada em seu celular, ele fala sobre a venda do produto com um amigo.

O Ronda no Bairro buscou a família do suposto amigo do suspeito, que seria um cliente. Em busca na casa do rapaz, não foi encontrado nada. O suspeito de tráfico foi encaminhado ao 8º Distrito Policial no Benedito Bentes I, que dará encaminhamento aos procedimentos cabíveis.

Orla

Também na manhã desta quinta-feira (10), agentes de proximidade da região da orla atenderam pessoas em situação de vulnerabilidade social: dois homens, oriundos de Pernambuco e de São Paulo, junto com eles estava um adolescente de 15 anos e uma criança de dois anos, acampados próximo à balança da Pajuçara.

A equipe social, formada por psicólogos e assistentes sociais, acolheu os indivíduos e os encaminhou às instituições responsáveis. O homem vindo de Pernambuco e sua filha de dois anos foram encaminhados para um albergue familiar. O jovem paulista ficará no albergue municipal e o adolescente, por ser consumidor de drogas, foi acolhido pela Rede Acolhe, serviço oferecido pela Secretaria de Estado de Prevenção à Violência (Seprev), para tratamento.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados