Guardas municipais passam por novo momento com capacitações e treinamentos

Dia do Guarda Municipal é comemorado nesta sexta-feira, 3 de setembro

Guardas municipais passam por novo momento com capacitações e treinamentos

Dia do Guarda Municipal é comemorado nesta sexta-feira, 3 de setembro

Por Assessoria | Edição do dia 3 de setembro de 2021
Categoria: Maceió | Tags: ,,,


Responsáveis pela segurança e da ordem pública na cidade de Maceió, os guardas municipais têm passado por um novo momento na atual gestão da Secretaria de Segurança Comunitária e Convívio Social (Semscs), com a valorização e reconhecimento dos servidores da Guarda Municipal de Maceió (GMM). O dia do Guarda Municipal é celebrado nesta sexta-feira (3) e, entre as ações desenvolvidas pela Prefeitura, que merece destaque nesse momento de comemoração, está a oferta de cursos de capacitação para os agentes de segurança pública. Objetivo é melhorar e humanizar o trabalho dos agentes.

3 de setembro

O dia 3 de setembro é dedicado a homenagear esses profissionais e a data foi instituída pela lei federal n° 5.088, de 30 de agosto de 1966.

O guarda municipal é responsável por proteger os patrimônios do Município, sejam eles históricos, culturais, ecológicos, ambientais ou arquitetônicos. Eles também atuam na resolução e pacificação de conflitos que presenciarem, de modo a garantir o respeito aos direitos fundamentais do cidadão.

Para o secretário municipal de Segurança Comunitária e Convívio Social, Thiago Prado, o trabalho dos agentes de segurança no município é fundamental e deve ser valorizado. “Nossos guardas se destacam pelo esforço e comprometimento. Além de agregar valor à comunidade em que moram, trabalham e desenvolvem as tarefas de assegurar à população a ordem e segurança. O Dia do Guarda Civil é uma forma de homenagear e agradecer pelos bons serviços prestados ao povo de Maceió”, parabenizou.

Durante os nove meses de gestão, a Prefeitura já promoveu seis cursos para os guardas municipais. Um curso voltado para o alinhamento operacional da tropa; curso de capacitação dos instrutores pelo grupo parabélum; o curso de capacitação em violência doméstica; o estágio de qualificação para manutenção no porte de arma; curso de aperfeiçoamento para o grupamento da Bike Patrulha de fogo e por fim um curso de libras, capacitando os guardas para acolher a comunidade surda.

“Ser guarda municipal está no meu sangue”, disse a Klézia Araújo, que tem esposo, irmão e teve mãe guardas municipais. A agente de segurança falou, ainda, sobre a emoção em fazer parte da GMM. “Para mim é extremamente gratificante. É algo de carreira, está no sangue. Ser guarda é um dom, é uma profissão que eu escolhi, que me deixa feliz no que faço. É ter vontade de servir, de tentar ajudar. Eu gosto da adrenalina, de me sentir útil, sentir que estou ajudando na segurança do meu povo”, concluiu.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados