Governo de Alagoas inaugura hoje Trecho 3 do Canal do Sertão

Mais 25 quilômetros de água liberados contemplam quatro municípios alagoanos e beneficiam mais de 77 mil habitantes

Por | Edição do dia 5 de novembro de 2015
Categoria: Alagoas, Artigos, Notícias | Tags: ,,,,


Terceira etapa do projeto vai beneficiar 77 mil habitantes. (Foto: Acervo Secom/AL)

O Canal do Sertão avança pelo Semiárido alagoano e está cada vez mais perto de transformar a vida dos sertanejos. Hoje, 5, às 11h, o Governo de Alagoas inaugura o Trecho 3 da obra, no município de Inhapi, localizado a 270 km da capital. A terceira etapa do projeto irá beneficiar mais de 77 mil habitantes, distribuídos entre as cidades de Olho d’Água do Casado, Inhapi, Senador Rui Palmeira e Água Branca.

Considerada a maior obra de infraestrutura hídrica de Alagoas e uma das maiores do Nordeste, o Canal do Sertão está orçado em cerca de R$ 3 bilhões e compõe o Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), do Governo Federal. No total, serão 250 quilômetros de água para 42 municípios alagoanos, do Sertão ao Agreste.

Com dois trechos já concluídos, o Canal do Sertão está abastecido até o quilômetro 68. O trecho 3 – situado do quilômetro 64 ao 92 – irá ampliar em 25 quilômetros o abastecimento de água no interior alagoano, um aumento de 37%, visto que 3 quilômetros da área já foram entregues.

De acordo com a Secretaria de Estado da Infraestrutura (Seinfra), responsável pela execução das obras, foram investidos mais de R$ 800 milhões nesse trecho. Para a secretária de Estado da Infraestrutura, Aparecida Machado, o projeto tem impactos diretos na vida dos sertanejos.

“Inaugurar o trecho 3 do Canal do Sertão significa abastecer a região do Alto Sertão com mais 25 quilômetros de água, o que representa um acréscimo de 37% na oferta de água em uma região de extrema seca. O benefício é imediato para todas as famílias da região, que dependem da água tanto para o consumo como para a criação de animais e produção de alimentos”, destacou Aparecida Machado.

O Trecho 4 do Canal – mapeado do quilômetro 92,93 ao 123,4 -, é o próximo a ser inaugurado e já está com 50% das obras executadas e sua conclusão está prevista para dezembro de 2016.

Após o término das obras, a gestão e o aproveitamento produtivo do Canal do Sertão ficarão a cargo da Secretaria de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos (Semarh) e da Secretaria de Estado da Agricultura, Pesca e Aquicultura (Seagri).

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados