Governador ratificou primeira morte por causa do Coronavírus em Alagoas

número de casos confirmados subiu para 18, 301 foram descartados e 343 são suspeitos

Governador ratificou primeira morte por causa do Coronavírus em Alagoas

número de casos confirmados subiu para 18, 301 foram descartados e 343 são suspeitos

Por | Edição do dia 31 de março de 2020
Categoria: Coronavírus | Tags: ,,


Governador Renan Filho (Reprodução / Redes Sociais)

Governador Renan Filho (Reprodução / Redes Sociais)

Durante a divulgação do boletim epidemiológico diário dos casos de coronavírus em Alagoas, o governador Renan Filho, ratificou a primeira morte de paciente contaminado por Covid-19. Durante a live de hoje, 31, nas redes sociais oficiais do Governo de Alagoas, o secretário estadual de saúde, Alexandre Aires, divulgou que o único caso testado positivo, dos 20 examinados, foi o do acreano de 64 anos que infelizmente veio a falecer. Portanto agora são 18 casos confirmados, 301 descartados, 343 suspeitos e 1 óbito.

O governador Renan Filho acrescentou que a estratégia do Governo não muda após o primeiro óbito. “A estratégia não muda, seguiremos aqui, trabalhando firme e vamos intensificar ainda mais os trabalhos, ampliar o número de testes, leitos de UTI, Material de EPI e fazendo o que temos que fazer. infelizmente o Covid leva uma parcela da sociedade à morte, e é importante continuarmos em isolamento domiciliar, para que o impacto em Alagoas seja menor”, disse Renan Filho.

O secretário estadual de saúde, Alexandre Aires, pediu a população um pouco mais de respeito para os profissionais de saúde, e principalmente aos familiares do senhor que foi diagnosticado como sendo o primeiro caso de morte por coronavírus em Alagoas. “É preciso ter um pouco mais de respeito com os profissionais de saúde, mas principalmente com a família”, afirmou Aires.

A Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) informa que, nesta terça-feira (31), foi registrado o primeiro óbito confirmado pela Covid-19 em Alagoas, conforme exame realizado pelo Laboratório Central de Alagoas (Lacen/AL). A vítima, do sexo masculino, tinha 64 anos, e era natural do estado do Acre.

Em relatos descritos pelo Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde (Cievs), da Sesau, responsável pela notificação e investigação dos casos suspeitos da Covid-19 em Alagoas, o paciente chegou à Unidade de Pronto Atendimento (UPA), do Trapiche, na madrugada do dia 27 de março de 2020, após ter sido encaminhado pelo Hospital Geral do Estado (HGE), com sintomas de falta de ar (dispneia) e histórico de febre que estava ocorrendo há cinco dias.

Prontamente, o médico plantonista realizou todas as avaliações necessárias. Ao perceber a gravidade da situação, o paciente foi entubado na própria UPA. Graças ao Plano de Contingência Estadual de Enfrentamento à Covid-19, colocando em prática a montagem de leitos intensivos nas UPAS, dotando os locais com os equipamentos para cuidados aos pacientes que chegassem com suspeitas do novo coronavírus.

Em relação à coleta, o paciente passou pelo procedimento de coletagem ainda no Hospital Geral do Estado (HGE). Posteriormente, a coleta foi encaminhada ao Laboratório Central de Alagoas (Lacen-AL).
Após análise laboratorial, o resultado divulgado nesta terça-feira (31) testou como positivo para Covid-19 em um único teste feito pelo paciente. Segundo o prontuário médico, o paciente era hipertenso e diabético

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados