Gasolina aumentou quase R$1 em Maceió só este ano

As informações do preço médio do combustível foram coletadas do Litrômetro, ferramenta da Agência Tatu

Gasolina aumentou quase R$1 em Maceió só este ano

As informações do preço médio do combustível foram coletadas do Litrômetro, ferramenta da Agência Tatu

Por Maria Luíza Ávila - Agência Tatu | Edição do dia 19 de março de 2021
Categoria: Maceió, Notícias | Tags: ,,


Com os reajustes no valor dos combustíveis praticados desde o início do ano, o preço médio da gasolina em Maceió já subiu R$ 0,99, saindo de R$ 4,69, no dia 1º de janeiro, para R$ 5,68, no dia 17 de março. As informações foram extraídas do Litrômetro, ferramenta da Agência Tatu que monitora o preço dos combustíveis desde 2018.

(Reprodução)

Só pra ter ideia desse impacto, R$5,68 foi o maior valor médio da gasolina já identificado em toda a série histórica do monitor. E em alguns postos da capital o litro da gasolina chegou a custar R$5,79 nesta semana.

Confira o gráfico do preço médio da gasolina desde o início deste ano:

O preço cobrado nas refinarias da Petrobras corresponde a cerca de 33% do valor pago pelos consumidores finais da gasolina, e esse impacto não poupou os postos de combustível da capital.

Entenda

No dia 8 de março deste ano, a Petrobras anunciou mais um novo aumento nos preços da gasolina que são cobrados nas refinarias. O preço médio do litro deste tipo de combustível passou de R$ 2,60 para R$2,84, sendo o sexto reajuste feito somente em 2021. Além deste aumento, já haviam sido anunciados reajustes em 1º de março, 18 de fevereiro, 8 de fevereiro, 26 de janeiro e 18 de janeiro.

Os reajustes são feitos de acordo com a taxa de câmbio e a variação do preço internacional do petróleo, negociado em dólar.

Grande impacto no bolso

Um carro popular, como um Gol 2020, possui um tanque com capacidade para 55 litros. Em janeiro, era necessário desembolsar R$ 257,95 para abastecer o veículo. Hoje, seria necessário R$312,40. Um aumento de R$ 54,45 na conta do consumidor.

Litrômetro

Por meio do Litrômetro é possível acompanhar a evolução dos preços do da gasolina e saber se o valor médio aumentou, diminuiu ou se manteve estável em Maceió e Arapiraca.

As informações apresentadas pelo plataforma são coletadas, em tempo real, das notas fiscais emitidas pelos próprios estabelecimentos comerciais e repassadas pela Secretaria de Estado da Fazenda de Alagoas (Sefaz-AL), por meio de uma API – interface que permite a coleta dos dados utilizando programação.

A base de dados utilizada na ferramenta é a mesma do aplicativo Abastece Maceió, também desenvolvido pela Agência Tatu, que informa os menores preços dos combustíveis da capital alagoana. Conheça.

*Estagiária sob supervisão da Editoria

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados