Feridão da padroeira do Brasil não fez mortes nas estradas alagoanas, afirmou BPRv

Por Redação | Edição do dia 13 de outubro de 2020
Categoria: Notícias, Polícia | Tags: ,,,


Foto: Reprodução

As estradas alagoanas não registraram óbitos por acidente de trânsito durante do feriado de Nossa Senhora Aparecida deste ano, informou o Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRv), nesta terça-feira, 13, em divulgação do balanço da operação que intensificou a fiscalização nas rodovias alagoanas entre os dias 10 e 12 de outubro.

De acordo com o BPRv, o sábado, 10, foi o dia que mais acidentes de trânsito foram registrados, foram 10 apenas nesse dia. No domingo foram quatro acidentes e na segunda, seis acidentes. Alguns desses acidentes registraram vítimas com escoriações. No sábado foram constatadas cinco vítimas com escoriações; no domingo, três vítimas e na segunda, mais três feridos.

O BPRv ainda informou que no sábado foram abordados 553 veículos e 320 condutores receberam auto de infração. Dois desses veículos foram removidos, dois condutores tiveram a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) recolhida, um condutor foi flagrado por embriaguez ao volante e uma prisão foi realizada.

No domingo 358 veículos foram abordados. Entre eles, 250 condutores foram autuados. Dos veículos desse dia, cinco foram removidos. Nesse dia não houve CNHs recolhidas, nem registro de embriaguez ao volante ou prisão.

Já na segunda foram 175 veículos abordados e, desses, 151 foram autuados. Nesse dia, um veículo foi removido, um condutor teve a CNH recolhida, três condutores foram flagrados embriagados ao volante e um condutor foi preso.

Nos três dias de operação, 1086 veículos foram abordados, 721 foram autuados, 8 veículos foram removidos, três CNHs foram recolhidas, quatro condutores foram flagrados com sinais de embriaguez e dois condutores foram presos. Foram 20 acidentes de trânsito nas estradas alagoanas e 11 vítimas com escoriações.

Apesar da pandemia de covid-19, o BPRv também informou que o fluxo de veículos nas rodovias alagoanas deste ano foi maior do que o fluxo do ano passado. Sobre a ausência de mortes nas estradas, o BPRv atribui esse fato a intensificação do policiamento.

Outro fato que foi destacado pelo órgão foi que não houve acidentes com motociclistas na região do Agreste. Geralmente, em períodos de feriadão, a região contava com um ou dois óbitos em acidentes com motocicletas, afirmou o BPRv.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados