Federalagoas alcança meta do projeto “Municípios Prato Cheio para o Desenvolvimento”

Mais de 20 mil cestas básicas foram entregues em 35 municípios de todas as regiões do Estado

Federalagoas alcança meta do projeto “Municípios Prato Cheio para o Desenvolvimento”

Mais de 20 mil cestas básicas foram entregues em 35 municípios de todas as regiões do Estado

Por Assessoria | Edição do dia 1 de julho de 2021
Categoria: Alagoas | Tags: ,,,,


Sentimento de dever cumprido. Este foi o clima ao encerramento da segunda fase da entrega das cestas do “Projeto Municípios: Prato Cheio para o Desenvolvimento”. Conduzida em Alagoas pela Federalagoas, representando a Confederação das Associações Comerciais (CACB), e a parceria capitaneada pela Confederação Nacional dos Municípios (CNM) com o apoio do Sebrae Nacional, Sebrae Alagoas e das Prefeituras, o projeto buscou amenizar os efeitos causados pela pandemia desde seu início no ano de 2020. Somando as duas fases, Alagoas conseguiu atender 35 municípios, de todas as regiões do Estado, com a entrega de mais de 20 mil cestas. Os recursos ultrapassam a cifra de R$ 1 milhão.

“Obtivemos um sucesso muito grande são milhares de pessoas beneficiadas com essa ação que mostrou a força da parceria, com cada um contribuindo no que faz de melhor. A Federalagoas tem uma representatividade muito forte no Interior alagoano e com isso alcançamos a nossa meta. A nossa equipe foi muito ágil, organizada e prestativa, reforçando que sempre prezaram pelo cumprimento das regras sanitárias Alagoas agora está habilitada para participar da terceira fase”, afimrou o presidente da Federalagoas, Kennedy Calheiros. Os próximos municípios que serão contemplados são Branquinha, Mata Grande, Olho D’água Grande, Ouro Branco, Poço das Trincheiras e Taquarana.

Segundo o superintendente da Federalagoas, Rogério Nonô, que coordenou a execução do projeto, a finalidade era minimizar os impactos da pandemia sobre a segurança alimentar da população em situação de vulnerabilidade, por meio da distribuição de cestas básicas com itens essenciais e ao mesmo tempo fomentar o desenvolvimento do comércio local. “Nos emocionamos em vários momentos. Foram 35 entregas, com tudo organizado, evitando aglomerações, com muito higiene, uso de máscaras e distanciamento. Nestes dias inesquecíveis, vimos famílias bem carentes que receberam a esperança de diminuir os impactos da fome com a chegada dessa ajuda que veio numa excelente hora”, analisou.

PARCERIA FOI FUNDAMENTAL

Irmanadas com a Confederação Nacional dos Municípios (CNM) nesse trabalho, está a CONAMP, o Sebrae, a Associação os Membros dos Tribunais de Contas do Brasil (Atricon), a Fundação Banco do Brasil, a Confederação das Associações Comerciais do Brasil (CACB) e a Fundação Hermann Hering. Em todo o Brasil a campanha selecionou 392 municípios brasileiros com menos de 50 mil habitantes, com maior dificuldade de acesso às politicas sociais e que apresentam baixo Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) para receberem as ações do projeto.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados