Familiares de detentos fecham a AL-220 reivindicando o direito à entrega de alimentos

Por Redação | Edição do dia 14 de setembro de 2020
Categoria: Alagoas, Notícias


Manifestantes realizaram protesto pacífico. Foto: Cortesia BPRv

Mais uma manifestação de companheiras de detentos. Dessa vez, no interior do estado. Na manhã desta segunda-feira (14), as mulheres se reuniram para protestar contra um suposto “descumprimento” no calendário por parte da Secretaria de Estado da Ressocialização e Inclusão Social (SERIS) de Alagoas na AL-220, em Arapirca.

Segundo as manifestantes, ficou combinado que no último dia 5 elas teriam acesso ao sistema prisional para a entrega de alimentos aos presos. No entanto, uma ordem da SERIS negou essa liberação.

A ação das mulheres foi de forma organizada, de acordo com policiais do Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRv). Os militares afirmaram que elas fecharam a via por diversas vezes, mas o ato de manifestação só durava 15 minutos. Após o período, elas liberavam os carros da fila.

A rodovia foi desobstruída depois que uma representante da SERIS montou uma comissão com cinco pessoas, para debater o assunto dentro do presídio.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados