“Falaram que tinha sido engano”, diz adolescente sobre sequestradores

O sequestro tinha como objetivo cobrar dinheiro do pai da vítima para resgate

“Falaram que tinha sido engano”, diz adolescente sobre sequestradores

O sequestro tinha como objetivo cobrar dinheiro do pai da vítima para resgate

Por Redação* | Edição do dia 17 de junho de 2021
Categoria: Notícias | Tags: ,


A estudante Mariana Farias, de 14 anos, vítima do sequestro da cidade de Arapiraca que aconteceu na última quarta-feira (16), conversou com a imprensa sobre as horas de angústia enquanto estava em poder dos criminosos. A menina foi liberada próximo à entrada de uma usina, na cidade de Campo Alegre na noite do mesmo dia, e conta que os sequestradores queriam que ela pensasse que o crime havia sido um engano.

Ela conta que eles pararam o carro, de cor preta e a levaram para uma área de mata, onde a deixaram. “Eles falaram que o sequestro foi um engano”, disse. No entanto, a Polícia concluiu que os criminosos pretendiam extorquir dinheiro dos pais da garota.

O delegado Gustavo Xavier explicou que o mentor do crime planejou tudo. “O Gordo, como era conhecido, planejou todo o sequestro. Ele tinha uma construção em frente à residência da família. Ele vinha monitorando a rotina da casa há algum tempo. Inclusive, dois serventes de pedreiro contratados para a obra participaram do crime. O objetivo era conseguir o dinheiro do resgate e com isso ele planejou todo o crime”, revelou.

Mariana também relatou que todo o tempo pensava em sua família, principalmente na mãe que está grávida. Ela disse que em nenhum momento foi agredida ou sofreu qualquer tipo de assédio e mostrou maturidade diante da situação. “Agora está tudo bem, graças a Deus”.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados