Ex-presidiário “Pombo”, suspeito de assassinato em Maceió, leva 10 tiros e morre

Homem estava em liberdade há pouco tempo

Ex-presidiário “Pombo”, suspeito de assassinato em Maceió, leva 10 tiros e morre

Homem estava em liberdade há pouco tempo

Por Thatyana Ferreira - estagiária sob supervisão | Edição do dia 12 de fevereiro de 2021
Categoria: Maceió, Polícia | Tags: ,,,,


Um ex-presidiário conhecido como “Pombo”, de 35 anos, foi assassinado com dez disparos de arma de fogo nesta quinta-feira (11) no bairro Chã da Jaqueira, em Maceió. Ele estava em liberdade há pouco tempo e teria sido preso por cometer um homicídio no mesmo bairro onde foi executado.

Foto: Ilustração

Quando a guarnição motorizada da Força Tarefa 12, que pertence ao 4º Batalhão da Polícia Militar, chegou na Rua do Arame, local indicado na denúncia, já encontraram a vítima sem vida. Pombo foi atingido por dez disparos de arma de fogo calibre 38, nas regiões do abdome, rosto e braços.

De acordo com um tio da vítima, Pombo, que era ex-presidiário, teria sido preso por cometer um assassinato em Chã da Jaqueira e estava em liberdade há pouco tempo. Não há informações sobre os suspeitos de homicídio  e a família não informou se há a possibilidade de ter sido um acerto de contas.

O delegado da Delegacia de Homicídios e os peritos do Instituto de Criminalística (IC) e do Instituto Médico Legal (IML) foram acionados ao local do crime para que os procedimentos em relação ao corpo fossem realizados. O caso deve seguir para investigação das autoridades responsáveis.

Outros casos

Além do caso registrado em Chã da Jaqueira, mais um homicídio aconteceu nesta quinta-feira (11) em Maceió. Por volta das 19h da noite de ontem guarnições da Polícia Militar estavam em patrulhamento na Cidade Universitária quando receberam uma denúncia anônima de assassinato na região.

Chegando ao local indicado, por trás do antigo bar das ostras, moradores do bairro informaram aos militares que um carro, com seis ocupantes, se aproximou da via movimentada e uma das pessoas disparou contra as vítimas que estavam na calçada. Duas pessoas foram atingidas pelos tiros, um homem recebeu um disparo embaixo da axila direita e foi levado para Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Benedito Bentes. A 2ª vítima, foi uma mulher de 33 anos, ela foi atingida por dois disparos de arma de fogo na cabeça e morreu no local.

Funcionários do Instituto de Criminalística (IC) e do Instituto Médico Legal (IML) estiveram na Cidade Universitária para que as medidas em relação ao corpo da vítima fossem tomadas. O caso também deve seguir para investigação das autoridades competentes.

 

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados