Ex-prefeito sofre atentado à bala e escapa ileso em São Luis do Quitunde

João Cordeiro estava em atividade de campanha quando foi abordado por atiradores

Ex-prefeito sofre atentado à bala e escapa ileso em São Luis do Quitunde

João Cordeiro estava em atividade de campanha quando foi abordado por atiradores

Por | Edição do dia 14 de novembro de 2020
Categoria: Notícias, Polícia


As eleições alagoanas voltam a dar sinais de extrema violência. Desta vez, ela se manifestou através de uma tentativa de homicídio no município de São Luis do Quitunde, a noite dessa sexta-feira, 13. Três tiros de revólver foram deflagrados contra o ex-prefeito da cidade, João Cordeiro (PSDB). Nenhum atingiu o alvo e o ex-prefeito passa bem. Atual vice-prefeito, Benedito Rodrigues Salazar, o Rato (MDB), foi reconhecido por populares como autor dos disparos.

O político estava em plena campanha política em apoio ao candidato a prefeito Junior Pedro (PSDB), quando se deslocando para a fazenda Santa Rita, de sua propriedade, próximo à Usina Cachoeira, João Cordeiro percebeu que três veículos estavam perseguindo-o desde a cidade.

Segundo o relato, que consta no boletim de ocorrência, lavrado na Delegacia de Matriz de Camaragibe, ainda na noite de sexta, Cordeiro estava no povoado de Castanha Grande, zona rural de São Luis, quando os ocupantes dos veículos que estavam perseguindo-o.

Em rápida manobra do motorista do ex-prefeito, o carro bloqueia a estrada e os ocupantes dos carros dispararam os tiros contra João Cordeiro. O ex-prefeito se esquivou e os disparos encontraram as paredes das residências da localidade. Ninguém se feriu.

“Foi tudo muito rápido, mas o importante é que todos estamos bem. Mas vamos tomar as devidas providências para que este crime não fique impune”, relatou João Cordeiro. B.O. foi registrado e o inquérito policial foi iniciado.

A vítima ainda conseguiu identificar dois veículos, uma caminhonete Chevrolet S10 e uma Toyota Hylux. As placas não foram reconhecidas, por conta da falta de iluminação na estrada e na localidade.

O grupo político dos Cordeiros, em São Luís do Quitunde, é adversário político histórico dos Cavalcante, que tem como representante maior o ex-deputado estadual e também ex-prefeito de São Luis do Quitunde, Cícero Cavalcante (MDB). No pleito deste ano, o ex-vereador Junior Pedro disputa a prefeitura contra a atual prefeita Fernanda Cavalcante (MDB), que busca, naturalmente, à reeleição.
Ainda no boletim de ocorrência, João Cordeiro apontou, com o auxílio de testemunhas, como supostos autores dos disparos o major PM Farias, segurança da prefeita Fernanda Cavalcante; o guarda municipal da cidade, conhecido por Acácio; e Benedito Salazar, o Rato, atual vice-prefeito de São Luis do Quitunde.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados