Estudantes podem avaliar experiência com aulas on-line na Ufal

Estudantes podem avaliar experiência com aulas on-line na Ufal

Por Assessoria | Edição do dia 7 de dezembro de 2020
Categoria: Alagoas, Notícias | Tags:


O Período Letivo Excepcional (PLE) da Universidade Federal de Alagoas caminha para a reta final e o momento é de avaliações. A Pró-reitoria de Graduação (Prograd) disponibilizou um questionário para os estudantes registrarem suas impressões sobre a experiência vivida no PLE.

A participação na pesquisa é voluntária e as informações apresentadas serão mantidas em sigilo. O objetivo é ter um feedback dos estudantes para avaliar o desenvolvimento das Atividades Acadêmicas Não Presenciais (AANPs) e planejar os próximos passos com segurança e eficácia.

No questionário, o discente vai indicar se teve algum tipo de dificuldade na matrícula; como avalia a qualidade do acesso à internet; quais equipamentos utilizou para assistir as aulas e se precisou de recursos especiais de acessibilidade ou de tecnologia assistiva.

Para analisar os dados, a pesquisa pede informações sobre o estado emocional do estudante e se ele chegou a desistir de alguma disciplina. Nas alternativas apresentadas é possível dizer quais foram as circunstâncias da desistência: se por problemas de saúde, adaptação à modalidade, falta recursos, questões familiares ou outros contratempos.

Atribuindo valores que indicam de péssimo a excelente, o estudante vai avaliar o nível do seu aprendizado durante o PLE e o grau de aproveitamento nas aulas síncronas e assíncronas. A Prograd também questiona se o aluno pretende participar de outro Período Letivo de forma remota, considerando a continuidade do estado de pandemia por mais tempo. E, por fim, o documento online abre um espaço de sugestões para aplicar nos períodos de aulas remotas.

“É importantíssimo que os alunos destaquem suas impressões sobre o Período, que façam críticas e apontem sugestão para que a gente possa planejar os próximos passos”, ratificou o pró-reitor Amauri Barros, ressaltando a continuidade do modelo de ensino remoto: “Trabalhar de forma remota no primeiro momento é uma necessidade, a partir do início de março. Na sequência, ver o que pode ser feito de forma híbrida e, futuramente, quando tiver condições com protocolo de biossegurança e todas as medidas, a gente evoluir para o presencial, quando for possível”.

Clique aqui para responder ao questionário de avaliação.

Trabalho com planejamento e continuidade

A primeira versão do questionário foi elaborada pela Coordenadoria dos Cursos de Graduação (CCG/Prograd), sob liderança da professora Eliane Barbosa. Depois de encaminhada para as comissões formadas por diretores de unidades e coordenadores de cursos, a proposta seguiu para a Prograd que disponibilizou o documento on-line para ouvir os estudantes.

A CCG também já está preparando outro questionário que será aplicado com os professores. “A gente está em fase de elaboração para ouvir também os docentes da Ufal com relação a utilização de metodologias, acessibilidade, ambientes virtuais de aprendizagem e tecnologias”, adiantou o pró-reitor.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados