Especialistas destacam benefícios de atividades físicas para a saúde mental

Prática regular de exercícios contribui para a liberação de hormônios benéficos à redução do estresse e da ansiedade

Especialistas destacam benefícios de atividades físicas para a saúde mental

Prática regular de exercícios contribui para a liberação de hormônios benéficos à redução do estresse e da ansiedade

Por Assessoria | Edição do dia 16 de setembro de 2021
Categoria: Maceió | Tags: ,,,


Foto: Reprodução

Além de melhorar o condicionamento físico, a prática regular de atividades físicas também diminui os níveis de estresse e ansiedade de maneira geral. Os exercícios físicos contribuem tanto para a melhoria da autoestima quanto para a socialização de pacientes que apresentam algum risco relacionado à saúde mental.

Segundo André Oliveira, educador físico e coordenador do Serviço de Atenção à Saúde do Trabalhador (Sass) da Secretaria Municipal de Saúde, as contribuições dos exercícios físicos para a saúde mental são inúmeras. “Esses benefícios vão desde aspectos biológicos, com a liberação de hormônios bons para o organismo, como a endorfina e serotonina, até aspectos de interação social relacionado à prática de esportes coletivos”, destaca.

O profissional destaca ainda que exercícios leves a moderados, voltados para o caráter aeróbico, além de auxiliar na liberação de hormônios positivos para o organismo, também inibem a produção de cortisol, hormônio do estresse que desencadeia outras condições relacionadas à saúde mental.

“Estudos apontam que indivíduos que faziam uso de fármacos por longos períodos para depressão e ansiedade, por exemplo, com a inserção de atividades físicas e alimentação balanceada, deixaram de usar, apresentando uma melhora do quadro”, completa o coordenador do Serviço de Atenção à Saúde do Trabalhador (SASS) do Município, André Oliveira.

Riscos de uma vida sedentária

A psicóloga do Sass, Lilian Costa, destaca que além dos benefícios para os casos de ansiedade e estresse, a prática de atividades físicas também tem efeitos positivos em quadros depressivos. “Com as atividades físicas, conseguimos que o indivíduo saia de um quadro mais grave de depressão. Para que a prática continue ao longo do tempo, é importante que o indivíduo faça uma atividade com que se identifique”, explica.

“Quando temos uma vida sedentária, quando não nos cuidamos, liberamos mais hormônios responsáveis pelo mal-estar, como o cortisol, e tendemos a ter uma saúde mais fragilizada em diversos aspectos, então a prática regular é bem eficaz para a saúde mental”, completa a psicóloga.

Ações do Sass voltadas para a saúde mental

O Serviço de Atenção à Saúde do Servidor (Sass) conta com diversos serviços voltados para a saúde física e mental do trabalhador. Entre elas estão a promoção da consciência corporal e atividades físicas com o monitoramento da saúde do trabalhador através de avaliações físicas, ginástica laboral, grupos de caminhada monitorada, acolhimento biopsicossocial e mediação de conflitos em Unidades de Saúde e no prédio sede da SMS.

“Nós também temos o projeto ‘Ouvindo o Servidor’, criado com base nas unidades de saúde que estão em locais de maior vulnerabilidade social. Nosso objetivo é acolher esse servidor, ouvir suas questões relacionadas à saúde mental, condições de trabalho e tentar encaminhar e resolver a demanda, na medida do possível, o que é importante para promover a saúde mental de nossos servidores”, explica Lilian Costa.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados