Escolas da rede estadual recepcionam seus alunos no retorno às aulas

Unidades de ensino prepararam programação especial para os estudantes

Escolas da rede estadual recepcionam seus alunos no retorno às aulas

Unidades de ensino prepararam programação especial para os estudantes

Por | Edição do dia 11 de fevereiro de 2020
Categoria: Educação, Notícias | Tags: ,


Valdir Rocha

Valdir Rocha

O clima festivo contagiou grande parte das escolas da rede pública estadual nessa segunda-feira (10) com o retorno das aulas e início do ano letivo 2020. No Centro Educacional de Pesquisas Aplicadas (Cepa), estudantes aproveitaram o momento especialmente preparado para eles.

Na Escola Estadual Teotônio Vilela, a gestão deu as boas-vindas aos familiares e aos 260 estudantes do Ensino Fundamental Integral. A alegria estava estampada nos rostos dos alunos, dentre eles as amigas Helissandra Nathalia, Williany Evelin e Raphaela Rodrigues. O trio já estudava na unidade e, agora, segue para o 9º ano.

“Estava muito ansiosa, não dormi direito. Estava com a bolsa arrumada desde sábado. Na escola é muito bom, a gente se distrai e aprende com as eletivas, em casa não faz nada.  Eu recomendo esta escola”, afirma Helissandra.

O gestor geral, Cássio Costa de Lima, comemora os avanços implementados nos últimos anos. “Nosso desejo enquanto escola é que 2020 seja tão produtivo quanto foram 2018 e 2019, onde alcançamos metas significativas: a primeira é que não tivemos ninguém desistente, nem evadido, nem reprovado. Foram anos de aprovação 100%. Em 2017 alcançamos a meta estabelecida pelo MEC e agora, com o trabalho desenvolvido, acreditamos que também alcançaremos ou nos aproximaremos da meta estabelecida pela Seduc, de 6.1”, estima Cássio.

Acolhimento  – Já a Escola Estadual Dom Pedro II, também ofertante de Ensino Fundamental nos anos finais, preparou uma programação de duas semanas de integração para receber e integrar os estudantes trabalhando as competências e habilidades da nova Base Nacional Comum Curricular (BNCC). Este ano, a escola passa a oferecer o ensino integral a partir das turmas de 6º ano.

“Com o tema Gentileza e Alegria, trabalharemos durante este mês as competências cognitivas e socioemocionais dos estudantes. A programação inclui gincana, oficinas carnavalescas, contação de história e brincadeiras para que possam se conhecer se integrarem”, adianta a gestora da unidade, Sandra Vanessa da Silva. Este ano, a escola conta com aproximadamente 500 estudantes.

As escolas de Ensino Médio também prepararam programação especial para estudantes. Na Princesa Isabel, ex-alunos apresentaram algumas disciplinas eletivas de teatro, artes plásticas, robótica e dança para os novatos. A escola de Ensino Integral Médio atende este ano cerca de 300 estudantes.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados