Escola Técnica de Artes promove a 5ª edição do Encontro de Cordas

Evento será totalmente on-line, as inscrições são gratuitas e estão abertas até sexta-feira (21)

Por Assessoria | Edição do dia 18 de agosto de 2020
Categoria: Cultura


O Encoeta – Encontro de Cordas da Escola Técnica de Artes da Universidade Federal de Alagoas chega a sua 5ª edição e vai contar com a participação de profissionais renomados, como o professor e violinista Alessandro Borgomanero, da federal de Goiás (UFG). O evento, coordenado  professora Lílian Pereira, será totalmente virtual e acontece de 31 de agosto a 4 de setembro, com atividades ao vivo todos os dias: aulas, mesas-redondas, palestras e recitais dos convidados..

As inscrições são gratuitas e podem ser feitas até sexta-feira (21). De acordo com a coordenadora, será um intercâmbio didático, artístico e cultural e já há muitos alunos inscritos de Manaus, Mato Grosso, Recife, João Pessoa, Brasília, Alagoas e Rio Grande do Norte. “Apesar de estarmos vivenciando essa tragédia com pandemia, será uma forma de estarmos conectados com pessoas do Brasil inteiro, nessa troca maravilhosa de experiências, mesmo que virtualmente. Uma pluralidade muito bonita nesse momento. Das minhas turmas de violino e viola para o Brasil. Estou bastante empolgada com a abrangência desse evento”, declarou Lílian Pereira.

Todos os participantes receberão certificado, mas, para se inscrever, é preciso ficar atento ao passo a passo do formulário. Na programação tem abordagem pedagógica, palestra sobre ansiedade e performance, um link com o estudo de neurologia e música, e mesa-redonda sobre distonia focal e músicos. “Faremos  discussão com a participação dos professores Oliver Yatsugafu, da UFMT, e o David Gardner, da UFG, sobre mitos e enfrentamentos reais desse problema que acomete muitos músicos, mas pouco se fala. Além das aulas de instrumento, os professores convidados irão tocar no fim de cada atividade. Este ano não teremos o concerto final com todos os convidados e a Camerata Acadêmica, como acontecia nos encontros anteriores”, anunciou a professora.

Intercâmbio

Também são convidados do evento remoto as professoras Aline Lima, da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), e Rúbia Naspolini, da Universidade Federal do Mato Grosso (UFMT); os professores Oliver Yatsugafu, também da UFMT, Ulisses Silva, da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), e David Gardner, da UFG.

A proposta do evento, segundo Lílian Pereira, é promover o intercâmbio, o contato dos alunos com outras ideias, novos conhecimentos. “A ideia é que o aluno participante se dê conta do seu aprendizado na Universidade, de forma a entender que está tudo alinhado com o que é feito no restante do país e em outros lugares do mundo. Os professores que já participaram em outras edições sempre elogiavam o trabalho que é feito na ETA”, destacou.

Lílian Pereira lembra que o primeiro encontro, em 2015, coincidiu com o nascimento da Camerata Acadêmica da ETA e contou com a participação do professor e violinista Alessandro Borgomanero. “No segundo ano, trouxemos um professor de viola e um de contrabaixo, ambos da Paraíba. Foi muito bacana porque são dois instrumentos até um pouco desconhecidos do grande público. E assim fizemos o encontro. É importante lembrar que todos os professores convidados sempre vieram sem receber cachê, porque acreditam na proposta. O professor Alessandro participa pela terceira vez do Encoeta. A primeira vez foi em 2015, depois em 2018 e, agora, em 2020”, completou.

A coordenadora afirma que esses intercâmbios são muito importantes para a ETA, para a Universidade e para os alunos porque há muitas oportunidades de aprendizado. “O ponto auge desses intercâmbios foi em 2018, quando a Camerata Acadêmica foi convidada para participar do 1º Festival de Música do Forte, em Fernando de Noronha. Fomos um dos grupos brasileiros a participar do evento, convidados do professor Alessandro. E foi uma experiência maravilhosa!”, relembrou.

Programação

Dia 31 de agosto

10h – Abertura oficial do 5º ENCOETA – Encontro de Cordas da Escola Técnica de Artes

Das 10h30 às 12h30 – Aula sobre Ansiedade e Performance, com a professora Aline Lima, da UFPE

Das 14h às 16h – Mesa-redonda sobre Distonia focal em Músicos: mitos e o enfrentamento real, com a participação dos professores Oliver Yatsugafu, da UFMT, e o David Gardner, da UFG, e mediação da professora Lilian Pereira

Debate e espaço aberto para perguntas dos alunos

Dia 1º de setembro

Das 10h às 12h – Aula sobre A Pedagogia no ensino do instrumento, com a professora Rúbia Naspolini, da UFMT

Das 13h30 às 14h30 – Bate-papo com o professor Oliver Yatsugafu (violino) e mediação de Lílian Pereira

Das 14h30 às 17h – Aula aberta de Violino com o professor Oliver Yatsugafu, da UFMT

Dia 2 de setembro

1330 às 14h30 – Bate-papo com professor Alessandro Borgomanero (violino) e mediação de Lílian Pereira

Das 14h30 às 17h – Aula aberta de Violino com professor Alessandro Borgomanero, da UFG

Dia 3 de setembro

Das 13h30 às 14h30 – Bate-papo com professor Ulisses Silva (Viola) e mediação de Lílian Pereira

Das 14h30 às 17h – Aula aberta de Viola com o professor Ulisses Silva, da UFPB

Dia 4 de setembro

Das 13h30 às 14h30 – Bate-papo com o professor David Gardner (Violoncelo) e mediação de Lílian Pereira

Das 14h30 às 17h – Aula aberta de Violoncelo com o professor David Gardner, da UFG.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados