Equatorial orienta alagoanos sobre como funciona o Programa de Incentivo à Redução Voluntária que dá descontos na conta de luz

Clientes aptos a participar da campanha estão sendo comunicados na fatura de energia com informações sobre a sua meta de consumo mensal

Equatorial orienta alagoanos sobre como funciona o Programa de Incentivo à Redução Voluntária que dá descontos na conta de luz

Clientes aptos a participar da campanha estão sendo comunicados na fatura de energia com informações sobre a sua meta de consumo mensal

Por Assessoria | Edição do dia 1 de novembro de 2021
Categoria: Alagoas | Tags: ,,


Incentivar os consumidores alagoanos a reduzirem o seu consumo de energia neste momento de escassez hídrica, é um dos principais objetivos da Equatorial Alagoas. Para esclarecer os clientes como funciona o Programa de Incentivo à Redução Voluntária do Consumo de Energia Elétrica, lançado no último mês pelo governo federal, a distribuidora separou algumas informações importantes que devem ser levadas em consideração, para aqueles que desejam receber o desconto na conta luz.

Serviço é de setembro a dezembro. Foto: Divulgação.

Para participar e receber o bônus do programa que foi criado pela Câmara de Regras Excepcionais para Gestão Hidroenergética (CREG) do Ministério das Minas e Energia (MME), os consumidores brasileiros – incluindo os clientes da Equatorial Alagoas – precisam reduzir pelo menos 10% do consumo de energia elétrica nos meses de setembro a dezembro de 2021 em comparação ao mesmo período de 2020 e não há necessidade de inscrição ou cadastro. O bônus será de R$0,50 a cada quilowatt-hora do total da energia economizado (desde que haja histórico de medição junto à distribuidora).

“Se o consumidor economizar 100 quilowatt-hora, por exemplo, no somatório do consumo de setembro a dezembro comparado ao somatório do mesmo período do ano passado, terá direito a um crédito de R$ 50,00 na conta de luz. O bônus será aplicado para os montantes economizados entre 10% e 20% de energia. Assim, se o consumidor economizar mais de 20%, por exemplo, receberá o desconto limitado aos 20% economizados. O bônus será creditado na conta de luz de janeiro de 2022”, explica a gerente de Relacionamento com o Cliente, Patrícia Moraes.

A gerente salienta que terão direito a participar do programa os clientes de baixa tensão (grupo B) e os de média e alta tensão (grupo A), inclusos nas classes de consumo residencial, industrial, comércio, serviços e outras atividades, rural e serviço público, incluindo também os residenciais com benefício da Tarifa Social de Energia Elétrica (TSEE).

Desde o último dia 20 deste mês, todos os alagoanos, aptos a participar do programa, estão recebendo a seguinte mensagem informativa na sua conta com a sua meta de consumo mensal para alcançar os critérios estipulados: “Informamos que sua conta contrato está apta a participar do programa de incentivo a redução de consumo conforme RES CREG nº 02, com meta de consumo mensal de até XXX kWh. Sua média de consumo apurado até out/21 é de XXX kWh.” (O valor do consumo mensal é preenchido de acordo com a situação de cada cliente).

É importante destacar que os clientes que não estão aptos a participar do programa são:

  1. Àqueles que não possuam histórico de consumos medidos, que houve alteração de titularidade ou encerramento contratual no período compreendido entre o ciclo referente a setembro do ano passado e dezembro deste ano;

  2. Clientes que tiveram alguma ocorrência de procedimento irregular nos referidos meses;

  3. Os consumidores livres e especiais e os minigeradores/microgeradores distribuídos também não serão alvo deste programa de incentivo, além dos clientes atendidos por sistemas de atendimento individual (SIGFI e MIGDI);

  4. Quem iniciou a relação contratual com a distribuidora posteriormente ao ciclo setembro de 2020 ou cujo faturamento do ciclo set/20 ou dez/20 tenha sido realizado por media, devido à impedimento do cliente.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados