Equatorial faz parceria com prefeituras para realizar cadastro na Tarifa Social

Por meio do convênio, distribuidora pretende ampliar o número de beneficiários da baixa renda. Cerca de 140 mil clientes têm o perfil, mas não recebem o desconto

Por Assessoria | Edição do dia 1 de outubro de 2020
Categoria: Alagoas, Notícias | Tags:


Mais de 140 mil alagoanos têm direito ao benefício da Tarifa Social, porém ainda não recebem o desconto na conta de luz. Para ampliar o número de beneficiários, a Equatorial Energia Alagoas tem feito parceria com as prefeituras e disponibilizou um sistema desenvolvido para facilitar o cadastro das famílias baixa renda. Até setembro, 48 municípios já assinaram convênio com a distribuidora.

Para se inscrever na Tarifa Social, basta procurar o Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) ou a sede do Bolsa Família mais próximo da residência e levar uma fatura de energia, CPF, identidade, o Número de Identificação Social (NIS) ou caso possua o Benefício de Prestação Continuada de Assistência Social (BPC) informar o número do benefício. Não é preciso ser o titular da conta de luz para fazer o cadastro.

Os descontos da Tarifa Social podem chegar em até 65% da tarifa de energia elétrica. O percentual é gradativo e a apresentação na fatura do cliente é detalhada por faixa de consumo. Quanto menor o consumo, maior o desconto na fatura. Para famílias indígenas e quilombolas que utilizam até 50kWh/mês, a redução é de 100%. Após 220kWh, os clientes pagam o valor normal da tarifa.

“Essa é mais uma ação da Equatorial para contemplar o maior número de pessoas com o benefício. Sabemos que o desconto pode fazer a diferença no orçamento das famílias e também na economia dos municípios, já que o dinheiro economizado com a conta de luz pode ser utilizado para fomentar o comércio local”, explica o gerente de Relacionamento com o Cliente da Equatorial, Carlos Morais.

Desde que a assumiu a concessão de energia, a Equatorial ampliou em quase 100% o número de famílias inscritas na Tarifa Social de Energia Elétrica (TSEE). Em 2020, 70 mil clientes entraram no Programa e passaram a receber descontos, sendo 45 mil só no período de março a junho. Atualmente, 342 mil unidades recebem o benefício na conta de luz.

Veja abaixo os municípios que possuem convênio com a distribuidora para realizar o cadastro na Tarifa Social:

Barra de Santo Antônio, Belém, Belo monte, Branquinha, Cacimbinhas, Campestre, Campo alegre, Canapi, Carneiros, Chã Preta, Colônia Leopoldina, Estrela de Alagoas, Ibateguara, Jacaré dos Homens, Japaratinga, Jaramataia, Jundiá, Major Isidoro, Mar vermelho, Maragogi, Maravilha, Marechal Deodoro, Maribondo, Mata Grande, Monteirópolis, Murici, Olho D’Água das Flores, Olho D’Água do Casado, Olivença, Ouro Branco, Palestina, Palmeira dos Índios, Pariconha, Paripueira, Passo de Camaragibe, Pilar, Porto Calvo, Porto de Pedras, Santa Luzia do Norte, Santana do Ipanema, São José da Laje, São José da Tapera, São Luís do Quitunde, São Miguel dos Campos, Satuba, Senador Rui Palmeira, Taquarana e União dos Palmares.

Outros canais para inscrição na Tarifa Social

Quem ainda não é inscrito na Tarifa Social e está com o NIS atualizado, também pode fazer a solicitação a Equatorial, pelo telefone 0800 082 0196; com a assistente virtual Clara, por mensagem de texto no WhatsApp (82) 2126-9200; no site https://al.equatorialenergia.com.br/cadastro-baixa-renda/, com os leituristas, agentes de campo e agentes de negociação.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados