Entregadores por aplicativo em Maceió paralisam atividades por melhores condições de trabalho

A paralisação em Maceió segue o movimento de greve nacional que acontece hoje, 1º, em vários estados

Entregadores por aplicativo em Maceió paralisam atividades por melhores condições de trabalho

A paralisação em Maceió segue o movimento de greve nacional que acontece hoje, 1º, em vários estados

Por Redação* | Edição do dia 1 de julho de 2020
Categoria: Maceió, Notícias | Tags: ,,,,


Concentração em Maceió. Foto: Cortesia

Dezenas de entregadores por aplicativo em Maceió atenderam ao chamado nacional de greve dessa categoria nesta quarta-feira, 1º, para reivindicar melhores condições de trabalho. Os entregadores paralisaram as atividades de hoje e estão realizando uma caravana de motos e bicicletas por alguns bairros da capital.

Os entregadores em Maceió se concentraram nesta manhã na Avenida Doutor Antônio de Barros (antiga Amélia Rosa), no bairro Jatiúca e seguiram pela avenida às 11h em direção aos bairros Ponta Verde, Pajuçara e Farol. O término da caravana acontecerá na Avenida Fernandes Lima.

A organização nacional da greve reivindica melhores condições de trabalho, medidas de proteção contra o risco de infecção pelo novo coronavírus e mais transparência no funcionamento dos serviços dos aplicativos e na forma de remuneração, que a maioria considera baixa.

Além do chamamento feito aos entregadores, a organização pediu para que a sociedade aderisse a greve ao não realizar pedidos por aplicativos nesta quarta. Alguns internautas se manifestaram a favor do pedido e divulgaram o apelo para que encomendas não sejam feitas hoje.

Os entregadores aguardam um posicionamento das empresas que gerenciam os aplicativos de entrega.

A seguir, veja vídeo da caravana:

 

 

*Com Agência Brasil.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados