Enquete da OAB-AL: 85% não concordam com a retomada presencial das aulas

Por Assessoria | Edição do dia 3 de setembro de 2020
Categoria: Alagoas, Notícias | Tags: ,,,,,


Foto: Divulgação

Há cinco meses os estudantes alagoanos, da rede pública e privada, estão estudando em casa, de forma virtual, após a suspensão das aulas presenciais devido a pandemia da Covid-19. Com a flexibilização do isolamento social, a projeção de retorno das atividades presenciais em estabelecimentos de ensino já é estudada por alguns estados brasileiros. Para entender a opinião da população no estado sobre a retomada, a Ordem dos Advogados do Brasil Seccional Alagoas (OAB/AL), por meio da Comissão de Defesa da Criança e do Adolescente, realizou uma enquete online com duração de uma semana. Cerca de 18.600 respostas de pais, estudantes e profissionais da educação foram recebidas. Na enquete, 84,6% disseram não concordar com a retomada.

A pesquisa realizada entre os dias 24 e 31 de agosto, coletou 18.595 cadastros de pais, estudantes e profissionais da educação. Eles responderam a cinco perguntas e tiveram acesso a um espaço destinado à sugestões e observações.

Como principal questionamento, o participante da enquete respondeu se concorda com o retorno das aulas presenciais no atual cenário provocado pela pandemia da Covid-19. No total, 15.731 deles, ou seja 84,6% disseram não concordar.

Os participantes da enquete também responderam que, no caso de retorno, não sentem segurança em voltar ou levar o filho à escola, não acham que as escolas estão preparadas para manter o distanciamento social entre as crianças, adolescentes e profissionais da educação, não concordam com o ensino híbrido, metodologia que mescla aulas de forma virtual e presencial, e não concordam com a retomada das atividades das creches.

O presidente da Comissão de Defesa da Criança e do Adolescente, Paulo Paraizo, salientou a importância da realização da enquete, buscando entender o cenário em Alagoas para realizar as medidas com base na opinião da população. “A enquete visou entender o desejo da sociedade. Com o resultado, percebemos que alcançamos todo o estado, foi muito positivo. Esses dados irão surtir efeito no âmbito do Conselho Estadual da Criança e do Adolescente, que vem travando diálogos e questionamentos com os gestores estaduais e municipais sobre o assunto”, explica Paraizo.

Segundo ele, com base nas respostas coletadas, será montada uma força-tarefa para entrar em contato com os municípios e ter informações acerca das condições das escolas e da infraestrutura do local. Por fim, segundo o presidente da Comissão, será realizada uma audiência pública para ouvir especialistas e, com base nas informações coletadas a Comissão atuará junto aos órgãos competentes. “Além disso, também vamos encaminhar esses dados para as Promotorias da Infância de todo o estado, apresentando o índice da pesquisa e as sugestões válidas inseridas pelos participantes”, disse.

“Neste momento de retomadas de alguns setores, nossa Comissão de Defesa da Criança e do Adolescente buscou entender o cenário ouvindo as pessoas diretamente ligadas à situação: pais, alunos e os profissionais dos setores da educação. É muito importante que a Ordem entenda as principais necessidades neste momento, possibilitando avanços no assunto”, destacou o presidente da OAB-AL, Nivaldo Barbosa Jr.

Confira o resultado da enquete sobre o retorno das atividades presenciais em escolas:

Você concorda com o retorno das aulas presenciais no atual cenário provocado pela pandemia do Covid-19? NÃO: 84,6% SIM: 15,4%

Caso as aulas retornem para a modalidade presencial, você se sente seguro para voltar à escola/levar seu filho à escola? NÃO: 85,9% SIM: 14,1%

Você acha que as escolas estão preparadas para manter o distanciamento social entre as crianças, adolescentes e profissionais da educação? NÃO: 87,4% (16.245) SIM: 12,6% (2.350)

O ensino híbrido é a metodologia que mescla aulas de forma virtual e presencial. Você concorda com esse formato? NÃO: 61,2% SIM: 38,8%

Você concorda com a retomada das atividades das creches? NÃO: 90,5% SIM: 9,5

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados