Empresários do Bem: Quilombolas de Alagoas recebem 1500 cestas básicas

Projeto intermediado pelo Governo de Alagoas ultrapassa 325 toneladas de alimentos

Empresários do Bem: Quilombolas de Alagoas recebem 1500 cestas básicas

Projeto intermediado pelo Governo de Alagoas ultrapassa 325 toneladas de alimentos

Por Assessoria | Edição do dia 3 de dezembro de 2020
Categoria: Notícias | Tags: ,,,,


Foto: Reprodução

As doações do projeto Empresários do Bem – intermediado pelo Governo de Alagoas através da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo (Sedetur) -, ultrapassam 325 toneladas de alimentos. Dessa vez, as populações quilombolas carentes estão sendo beneficiadas com 1.500 cestas entregues pela empresa Coca-Cola.

O primeiro grupo a receber as doações foram os moradores do povoado Muquém, em União dos Palmares, nesta quarta-feira (02). Eles receberam 150 cestas que representam um auxílio às famílias que tiveram o trabalho e a renda afetados diante da pandemia do coronavírus.

“Nosso trabalho aqui é acompanhar os artesãos. Temos 114 famílias sócias da nossa associação e essa doação vem para nos ajudar muito. Temos muitas pessoas que não conseguiram voltar para o seu setor de trabalho devido à pandemia e nós só temos a agradecer por poder contar com essa ajuda”, expõe Albertina Nunes, presidente da Associação de Remanescente de Quilombos do Sítio Muquém, que distribuirá as cestas entre as famílias.

Populações quilombolas localizadas nas cidades Arapiraca, São José da Tapera e Palmeira dos Índios, por exemplo, também serão beneficiadas com as doações. Ao todo, mais de 55 mil alagoanos foram contemplados pela iniciativa do projeto Empresários do Bem, entre ambulantes, artesãos, associações e guias turísticos.

“É muito importante ver que, em momentos difíceis, nós conseguimos nos unir para ajudar quem mais precisa. Esse projeto nasceu da vontade dos próprios empresários. Essa corrente de solidariedade tem crescido e, aos poucos, conseguimos ajudar as populações mais carentes”, ressalta o secretário do Desenvolvimento Econômico e Turismo, Rafael Brito.

A ação de doação para as comunidades quilombolas está sendo realizada em parceria com a Secretaria de Estado da Mulher e dos Direitos Humanos (Semudh), que realiza um trabalho de assistência junto às lideranças locais.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados