, Sexta-Feira - 24 de Janeiro de 2020

 

Embrapa e fabricante alagoano discutem lançamento de bioinseticida contra Aedes Aegypti

Assessoria / 9:48 - 30/08/2017

Pesquisas buscam desenvolver produtos biológicos para controle das doenças transmitidas pelo mosquito


Pesquisadores da Embrapa e diretores da empresa alagoana Strike Limpeza se reuniram na tarde dessa segunda-feira (28), em Maceió, para discutir estratégias de lançamento do bioinseticida BioBTI, que utiliza concentração de bactéria presente na natureza (Bacillus thuringiensis israelensis – BTI) para o controle de larvas do mosquito Aedes Aegypti.

Com coordenação técnica da pesquisadora Rose Monnerat, da Embrapa Recursos Genéticos e Biotecnologia (Brasília – DF), as pesquisas buscam o desenvolvimento de produtos biológicos para controle de vetores de doenças que sejam adaptados às condições do Nordeste, com foco em mosquitos Aedes e Culex.

Resultado de imagem para aeds egipte

Há 19 anos no mercado alagoano de produtos sanitários para empresas, a Strike terá capacidade de produção de oito mil litros por mês das formulações do bioinseticida. Os processos de licenciamento estão em fase de conclusão. Paralelamente ao lançamento do produto, a Embrapa busca parcerias com órgãos de saúde pública para fortalecer o combate a endemias por meio do uso adequado do produto.

Participaram do encontro, além de Monnerat e do diretor da Strike, Carlos Eduardo Guañabens, representantes da Secretaria de Saúde de Maceió, os pesquisadores da Unidade de Execução de Pesquisa de Rio Largo (AL) da Embrapa Tabuleiros Costeiros (Aracaju, SE), Aldomario Negrisoli e Elio Guzzo, e o diretor da Bio-Skills, empresa parceira da Embrapa em pesquisas com bioinseticidas, Carlos Marcelo Soares.


Comentar usando