Em reunião com MP, Rodrigo Cunha volta a cobrar criação da delegacia anticorrupção em AL

Por Assessoria | Edição do dia 10 de agosto de 2020
Categoria: Notícias, Política


Em mais uma tentativa de viabilizar a criação da primeira delegacia anticorrupção de Alagoas, o senador Rodrigo Cunha se reuniu nesta segunda-feira com a promotora Karla Padilha, do Ministério Público de Alagoas.

Na reunião, da qual a deputada Tereza Nelma também participou, Rodrigo demonstrou o senso de urgência que se faz necessário à essa construção, já que na próxima sexta-feira vence o prazo para que Alagoas receba verbas do Fundo Nacional de Segurança Pública (FNSP), do governo federal.

Somente os estados equipados com estruturas específicas para combater o crime na administração pública receberão esses recursos. Caso Alagoas não tenha sucesso, deixará de receber R$ 1,6 milhão da União. O estado é um dos quatro no Brasil que ainda não têm uma delegacia anticorrupção.

Rodrigo tem pressionado o governo a criar por decreto a delegacia, e tem apontado a falta de apetite político para isso. Ele e Tereza Nelma já destinaram R$ 600 mil para a construção, mas até agora isso não saiu do papel.

Na reunião com a promotora, Rodrigo observou que durante a pandemia, é ainda mais necessário um aparato de investigação sobre os crimes de corrupção, já que há uma flexibilização nas compras públicas.

“Durante a pandemia é ainda mais importante termos uma equipe especializada no combate à corrupção, pois há uma flexibilização das comprar. Alagoas já foi vítima de fraude em compras durante a pandemia no caso dos respiradores. Cadê os respiradores? Cadê o dinheiro aplicado nessa compra?”, questionou Rodrigo Cunha.

A promotora disse que o Ministério Público está atuante para que Alagoas consiga cumprir o prazo e criar a nova delegacia. Na semana passada, o MP abriu um procedimento administrativo para acompanhar esse caso.

“Às vezes acho que há uma resistência deliberada em se combater a corrupção”, avaliou a promotora.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados