Em quatro anos, produção de água tratada cresce 25% no agreste alagoano

Maior oferta de água beneficia comunidades mais afastadas e promove qualidade de vida aos seus moradores

Em quatro anos, produção de água tratada cresce 25% no agreste alagoano

Maior oferta de água beneficia comunidades mais afastadas e promove qualidade de vida aos seus moradores

Por Assessoria | Edição do dia 12 de abril de 2021
Categoria: Alagoas, Notícias | Tags: ,,,


Flutuadores (Foto: Assessoria)

No mês em que completa nove anos, a Agreste Saneamento comemora sua atuação no agreste alagoano com um importante resultado: a produção de água tratada aumentou 25% desde 2017. Isso se traduz numa crescente oferta do recurso à população, beneficiando mais comunidades e, consequentemente, gerando um importante impacto social.

“É um cenário extremamente positivo, onde temos a água chegando em localidades mais afastadas, proporcionando qualidade de vida aos seus moradores. Tudo isso graças a um esforço conjunto que demonstra o compromisso e o cuidado das empresas Agreste e Casal com seu papel social, acima de tudo” enfatiza Sérgio Bovo, diretor operacional da Agreste Saneamento.

Bovo explica ainda que nesses nove anos de atuação, as conquistas da Agreste se multiplicam. Os benefícios representam uma mudança histórica para a região. Desde a construção do Sistema Adutor do Agreste, por exemplo, o acesso à água vem sendo ampliado.

“Nosso planejamento foi feito para suprir a demanda por água das 10 cidades da região agreste. No entanto, houve um aumento na produção em torno de 1.200 metros cúbicos por hora, incrementando os 1.800 metros cúbicos por hora já previstos. Isto resultou numa ampliação na oferta de água e no alcance de mais comunidades. Compete à Agreste fazer a gestão do recurso até à Estação de Tratamento de Água de Arapiraca. A partir daí, a água fica em reservatório e a distribuição é de responsabilidade da Casal”, pontua Bovo.
Acesso à água tratada muda realidade de comunidades

Uma das consequências desse aumento na produção de água é a chegada recente de água tratada a duas comunidades rurais do município de Craíbas. Os moradores de Pau Ferro e Curupira passaram agora a ser beneficiados com a água que vem do Sistema Adutor do Agreste.

O sistema que chega a essas comunidades é fruto de investimentos da Agreste Saneamento colocados em prática desde 2014. Além disso, a distribuição do recurso ocorre por meio de uma parceria entre a Casal e a Mineradora Vale Verde, que apoiou a implantação do abastecimento para essas localidades. Atualmente, a Casal está na fase de cadastro dos moradores e instalação das ligações domiciliares, para posterior colocação de hidrômetros dos imóveis.

O presidente da Companhia, Clécio Falcão, ressalta que a Casal distribui água para centenas de comunidades rurais em todos os 77 municípios onde atua. “Estamos empenhados em levar água para um número cada vez maior de alagoanos, para que tenham melhoria de vida, mais saúde e conforto. Atendemos cerca de dois milhões de pessoas e sabemos da importância da Companhia para o bem-estar delas. Na região Agreste, contamos com a parceria da Agreste Saneamento para isso. Com o aumento da produção de água a partir da PPP, pudemos expandir a distribuição, e assim, contemplar outras comunidades”, acrescenta o presidente da Casal.

Sobre a Agreste Saneamento

A Agreste Saneamento atua junto com a Companhia de Saneamento de Alagoas (CASAL) desde 2012, através de uma parceria público-privada (PPP) com duração de 30 anos, com o objetivo universalizar o acesso da população à água de qualidade e assegurar melhorias nos sistemas de abastecimento de 10 municípios da região agreste do estado, beneficiando mais de 377 mil habitantes. Desde 2017, faz parte da Iguá Saneamento, companhia que está presente em 37 municípios brasileiros e que alcança 6 milhões de pessoas com o compromisso de ser a melhor empresa de saneamento para o Brasil. Foi eleita a melhor empresa de médio porte para trabalhar em Alagoas, em 2018, de acordo com pesquisa realizada pela consultoria Great Place to Work Brasil (GPTW). Em 2020 a concessionária foi eleita a terceira melhor empresa para se trabalhar em Alagoas pelo Great Place To Work (GPTW) e recebeu o destaque nacional entre as cem melhores empresas de pequeno porte do país pela Revista Pequena Empresas, Grandes Negócios e GPTW. Também em 2020, foi reconhecida pelo Instituto Trata Brasil como “Caso de Sucesso em Saneamento Básico”.

Sobre a Iguá Saneamento

A Iguá é uma companhia de saneamento, controlada pela IG4 Capital, que atua no gerenciamento e na operação de sistemas de abastecimento de água e esgotamento sanitário por intermédio de concessões e de parcerias público-privadas. Atualmente, está presente em 37 municípios de cinco estados brasileiros – Alagoas, Mato Grosso, Santa Catarina, São Paulo e Paraná – por meio de 18 operações que, somadas, beneficiam cerca de 6 milhões de pessoas. O alcance dos serviços prestados pela companhia a coloca entre os principais operadores privados do setor de saneamento do país. Em 2020, a Iguá aderiu à Rede Brasil do Pacto Global, iniciativa da Nações Unidas (ONU) para mobilizar a comunidade empresarial na adoção e promoção, em suas práticas de negócios, de Dez Princípios universalmente aceitos nas áreas de direitos humanos, trabalho, meio ambiente e combate à corrupção. A companhia foi eleita, em 2020, pelo quarto ano consecutivo, uma ótima empresa para se trabalhar pela consultoria Great Place to Work (GPTW). Atualmente, emprega cerca de 1,5 mil pessoas. O nome Iguá é uma referência direta ao universo em que atua: em tupi-guarani, “ig” quer dizer água.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados