Durante feriadão, Lei Seca prende sete condutores por embriaguez ao volante

Ao todo, 16 foram retirados de circulação por situação de alcoolemia

Durante feriadão, Lei Seca prende sete condutores por embriaguez ao volante

Ao todo, 16 foram retirados de circulação por situação de alcoolemia

Por | Edição do dia 18 de novembro de 2019
Categoria: Ultimas Notícias | Tags: ,,


LEI SECA FERIADÃO (3)

Foto: Detran AL

O feriadão que teve início na última sexta-feira (15), dia da Proclamação da República do Brasil, foi marcado pela ampla participação da operação Lei Seca. Coordenada pelo Departamento Estadual de Trânsito de Alagoas (Detran/AL), a fiscalização percorreu bairros e pólos de entrada e saída de Maceió para evitar acidentes e garantir que a população se divertisse com segurança.

As fiscalizações já começaram na quinta-feira (14) e foram até domingo (17). Ao todo, foram seis ações realizadas de forma volante em bairros da parte alta e baixa, incluindo avenidas como Menino Marcelo, Assis Chateaubriand, Manoel Afonso de Melo e Tobias Granja.

Balanço

No total, 518 veículos foram abordados e 538 testes de alcoolemia feitos. Sete foram presos por conduzir veículo automotor com a capacidade psicomotora alterada em razão do álcool, três deles em flagrante após o teste apontar quantidade de álcool no sangue superior a 0.33 mg/L e quatro pelo Termo de Constatação de Embriaguez (TCE).

Seis condutores se recusaram a fazer o teste, e outros dez foram flagrados sem habilitação. 15 CNHs foram recolhidas e 57 Autos de Infração de Trânsito (AITs) foram aplicados por diversas irregularidades. Dois veículos foram removidos ao pátio do Detran/AL.

Intensificação

“Houve um aumento no número de alcoolizados ao volante, e isso nos acendeu um sinal para intensificarmos ainda mais nossas ações educativas e de fiscalização. Vamos continuar fiscalizando, estamos nas ruas até o dia amanhecer para garantir um trânsito seguro em Alagoas”, afirma o coordenador da operação Lei Seca em Alagoas, tenente Emanuel Costa.

Segundo ele, a Avenida Menina Marcelo é uma região onde a Lei Seca irá atuar ainda mais forte. “Identificamos um número considerável de mortes nessa região nos últimos meses, então vamos intensificar as fiscalizações porque temos o dever de combater muito forte essa mistura de álcool e direção. O que nós queremos é finalizar uma operação sem flagrar nenhum condutor alcoolizado”, finaliza.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados