Djokovic quebra recorde histórico no tênis e desabafa: ‘Só eu sei o quanto trabalhei e me dediquei’

Com triunfo na semifinal do Masters 1000 de Paris, sérvio vai fechar o ano como número 1 do mundo pela sétima vez, marca inédita no esporte

Djokovic quebra recorde histórico no tênis e desabafa: ‘Só eu sei o quanto trabalhei e me dediquei’

Com triunfo na semifinal do Masters 1000 de Paris, sérvio vai fechar o ano como número 1 do mundo pela sétima vez, marca inédita no esporte

Por Lance! | Edição do dia 7 de novembro de 2021
Categoria: Esportes | Tags: ,,


Novak Djokovic alcançou mais uma marca histórica na carreira e no tênis mundial. O sérvio derrotou o polonês Hubert Kurkacz por 2 sets a 1, na semifinal do Masters 1000 de Paris, e garantiu a liderança do ranking da ATP até o fim da temporada pela sétima vez. Com isso, ele ultrapassa o americano Pete Sampras e fica isolado como tenista que mais vezes terminou o ano como número 1 do mundo.

Djokovic em ação durante o Masters 1000 de Paris Foto: BNP Paribas Open.

“Significa tudo pra mim. Estou envolto por muitas emoções. Este era claramente um objetivo para o fim da temporada, minha grande motivação nesta semana. Eu senti a pressão, mas a pressão está sempre aí. A Billie Jean [King] sempre diz que a pressão é um privilégio, e isso significa que vc se importa com algo que você ama e sente”, afirmou.

“Eu sei quanto de dedicação e trabalho demandou para conquistar esse histórico sete anos ao fim do ano como número 1. Apenas pra mim, mas para minha família, equipe e todos no meu entorno. É maravilhoso estar apto a conquistar isso e indo para a final. Agora, posso relaxar um pouco na parte mental”, complementou Nole.

Na decisão de Paris, Djokovic irá encarar o russo Danil Medvedev, seu algoz na final do US Open deste ano. Djoko terá a oportunidade de quebrar mais um importante recorde. Caso se consagre campeão, ele irá ultrapassar Rafael Nadal e se tornará o maior vencedor de Masters da história (37).

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados