Dez pessoas são indiciadas por clonagem de carros em Maceió

PC conclui inquérito e enviou à Justiça

Por | Edição do dia 19 de outubro de 2015
Categoria: Artigos, Notícias, Polícia | Tags: ,,


RODRIGO-COLOMBELLE

Delegado Rodrigo Colombelli, da DRFVC (Foto: ASCOM/PC)

O delegado Rodrigo Colombelli, da Delegacia de Roubos e Furtos de Veículos e Cargas da Capital (DRFVC), informou nesta segunda-feira (19) que já concluiu e enviou à Justiça o inquérito policial que investigou uma quadrilha especializada no roubo e clonagem de veículos que vinha agindo em Alagoas.

Dez pessoas foram indiciadas, entre elas, Ialex Costa e Nanderlei Cristofanny Azarias da Silva, conhecido como Júnior Boy, que ainda se encontram foragidos.

Também foram indiciados: Paulo Nicácio da Silva – apontado como um dos chefes do grupo criminoso; os irmãos Klayton Elias Buique Honorato e Klayperson Paulo Buique Honorato; Paulo Fartorelli da Silveira; Rafael Silva de Assis; o casal Samira Sidneia Nillon e Mauro Monteiro de Lima, e Manoel Correia da Silva, que é pai de “Junior Boy”.

Vários carros, inclusive de luxo, além de dinheiro, cheques, armas e munições foram apreendidos com a quadrilha, presa no dia 9 deste mês, em uma megaoperação realizada em pelo menos quatgro bairros de Maceió e que teve a participação do Grupo de Combate às Organizações Criminosas (Gecoc), do Ministério Público Estadual, e das polícias Civil e Militar.

Mesmo já tendo enviado o inquérito à Justiça, o delegado Colombelli solicita a quem tiver sido vítima da quadrilha, comprando algum dos carros roubados, compareça à delegacia para que os fatos sejam esclarecidos.

Segundo ele, se a pessoa não comparecer corre o risco até de ser presa, caso venha a ser abordada em uma blitz policial com o carro roubado. Ele adiantou que uma das vítimas já compareceu à delegacia e devolveu o veículo roubado que havia sido comprado aos criminosos.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados