Despreparada, polícia patina na caçada a Lázaro Barbosa

Até agora já foram gastos em torno de R$ 19 milhões na caçada. 

Despreparada, polícia patina na caçada a Lázaro Barbosa

Até agora já foram gastos em torno de R$ 19 milhões na caçada. 

Por Antonio Pereira | Edição do dia 28 de junho de 2021
Categoria: Opiniões | Tags: ,,,,,,,


É histórico o fato do Brasil ter uma polícia totalmente despreparada em relação a países desenvolvidos. A perseguição insana que já dura quase um mês a Lázaro Barbosa, acusado de ser um assassino em série, chama a atenção pelas inúmeras lambanças já realizadas pela polícia nesta história desastrosa. Até agora já foram gastos em torno de R$ 19 milhões na caçada.

Sem uma investigação com critérios científicos modernos, os policiais armados até os dentes, percorrem áreas rurais do em torno de Brasília e no Estado de Goiás, muitas vezes invadindo domicílios, profanando templos religiosos, notadamente de matrizes africanas. Os samangos agem como volantes do século 19 e início do século 20 revivendo os tempos do cangaço.

Teve até a deputada Magda Mofatto, 72 (PL-GO) que foi à caça de Lázaro Barbosa a bordo de um helicóptero e com um fuzil na mão, ela alerta: “Te cuida, Lázaro. Tem coisa mais ridícula??

Lázaro Barbosa de Sousa, de 32 anos, está fugindo há quase um mês e tem conseguindo escapar de uma operação histórica. Atrás dele estão mais de 500 policiais do Distrito Federal e de Goiás – alguns à paisana – cães, três helicópteros e até drones.

Muito se fala sobre ação de inteligência da polícia, mas tudo se resume a arrombar portas, coagir pessoas e dar imagens para televisões gerarem audiência em cima de um caso banal, que poderia ter sido resolvido rapidamente, caso o sistema policial/judiciário funcionasse, mas pelo que vemos não é o caso.

Pelos relatos de supostas testemunhas e dos próprios policiais, Lázaro Barbosa é uma espécie de Rambo brasileiro. Hábil, ágil e fortemente preparado fisicamente para resistir a longos períodos no mato. A ele são atribuídos atributos de um super vilão, talvez para encobrir o papelão que está desempenhando as forças de segurança neste caso na captura de apenas um homem.

Recentemente foi divulgado que os policiais que estão mais à frente na caçada estão contaminados com um surto de carrapato devido ao fato de terem que se embrenhar na mata para procurar o foragido.

Todos os relatos até agora dão conta de uma ação ostensiva da polícia com armas, helicópteros e toda uma sorte de equipamentos, que se mostram inúteis ao caçar o surpreendente Lázaro Barbosa.

O estilo loucademia de polícia pode ser facilmente ilustrado nesta caçada. Muito barulho, pouca inteligência e muita ostentação de fardas e armas. Nada disso é eficaz para tratar de um caso aparentemente simples. Talvez se a polícia fosse menos cinematográfica e mais profissional, Lázaro já estaria atrás das grades, respondendo pelos inúmeros crimes que lhe são atribuídos.

Espero que esse caso sirva de lição para os que defendem armamentos de guerra para policiais que têm apenas que exercer suas funções de investigação e captura de criminosos, muitas vezes, como é o caso de Lázaro contam apenas com sorte e com a incompetência para escapar do cerco.

Esse caso do Lázaro Barbosa é bastante ilustrativo do que temos de aparato policial, totalmente militarizado e incompetente.

Há uma necessidade urgente de repensar as forças de segurança no Brasil, que foram criadas a imagem e semelhança da ditadura militar, servindo em sua maioria apenas para repressão do povo e rompimento dos direitos individuais do cidadão comum, principalmente se for pobre.

Visite minhas redes sociais:

Facebook – https://www.facebook.com/toinhopereira

Instagram – https://www.instagram.com/toinho_pereira0748/

Twitter – https://twitter.com/antoniotoinho07

One thought on “Despreparada, polícia patina na caçada a Lázaro Barbosa”

  1. Rodrigo disse:

    Texto muito fraco para alguém da comunicação, só se lê críticas levianas contra os policiais e o enaltecimento do criminoso. Em 14 dias, a polícia conseguiu solucionar o problema, um assassino a menos no Brasil.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados