Delegação alagoana é destaque dentro e fora das competições do Jeb’s 2021

Maior delegação da história voltou para casa com oito medalhas na bagagem

Delegação alagoana é destaque dentro e fora das competições do Jeb’s 2021

Maior delegação da história voltou para casa com oito medalhas na bagagem

Por Assessoria | Edição do dia 5 de novembro de 2021
Categoria: Alagoas, Esportes | Tags: ,,


Foto: Jeferson Santu

Experiência, interação, integração e inclusão. Essas são as principais palavras e conquistas da delegação alagoana, a maior na história dos Jogos Escolares Brasileiros (Jeb’s), com 250 pessoas, que se destacou dentro e fora das competições realizadas no Rio de Janeiro, de 29 de outubro a 05 de novembro.

Ao todo, o “Time Alagoas” voltou para casa com oito medalhas, sendo duas de prata do judô, uma no atletismo, uma no handebol, duas no voleibol de quadra e duas no futsal. Porém, a experiência alcançada, a vivência e a integração das delegações foram das maiores vitórias.

“O Jebs foi, na sua essência, uma verdadeira integração entre as delegações dos Estados participantes. Logicamente, todo mundo vem para cá querendo fazer bonito, conquistar medalhas, mas viver o evento com toda essa estrutura, será fundamental para sequência da carreira de todos eles”, afirmou o Secretário do Esporte, Lazer e Juventude, Charles Hebert.

Foto: Assessoria

Superintendente do Esporte, Lazer, Rendimento e Inclusão Social da Selaj e Chefe da Delegação Alagoana no Rio de Janeiro, Wagno Godez, destacou o trabalho realizado antes e durante a competição.

“Um trabalho iniciado ainda no Jeal, não apenas na realização dos eventos, mas no contato e no diálogo com os atletas, técnicos, professores e dirigentes. Ampliamos e oferecemos toda uma estrutura para que a nossa delegação, pudesse ter as melhores instalações e condições de competir em pé de igualdade. Fomos vitoriosos independente de qualquer medalha”, afirmou.

Além das medalhas conquistadas, a delegação apresentou grandes talentos para o esporte alagoanos. Um deles vem da natação, a jovem Thaynara Lago, de apenas 12 anos, que não conquistou medalha no Rio de Janeiro, mas é a líder do ranking nacional dos 400m livre.

“Alagoas é um celeiro de grandes talentos e o Jebs irá nos mostrar isso, em diversas modalidades. Sempre que conversei com atletas, reforcei para eles a importância de aproveitar toda estrutura oferecida para o evento, que seria muito importante para aqueles que querem seguir a carreira no esporte. O evento foi bonito e será proveitoso para todos os envolvidos”, completou Irã Cândido, presidente da Federação Alagoana de Esportes Colegiais (Faec).

Medalhas de Alagoas

  • JUDÔ

Anderson Santos/Arapiraca – Prata

Israel Dules/Arapiraca – Prata

  • ATLETISMO

Alexsander de Assis/Murici – Prata o Arremesso de Peso

  • HANDEBOL

Colégio Contato/Maceió – Bronze na Série Cobre Feminino

  • VÔLEI DE QUADRA

Colégio Rosalvo Ribeiro/Maceió – Prata na Série Bronze Masculino

Colégio São Lucas/Maceió – Bronze na Série Cobre Feminino

  • FUTSAL

Colégio Ativo/Maceió – Bronze na Série Prata Masculino

Colégio José Cursino/Jequiá da Praia – Prata na Série Cobre Feminino

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados