Defesa Civil de Maceió foi acionada para desabamento de duas casas e alagamentos

Prefeitura disse que já iniciou os trabalhos preventivos para a quadra chuvosa

Defesa Civil de Maceió foi acionada para desabamento de duas casas e alagamentos

Prefeitura disse que já iniciou os trabalhos preventivos para a quadra chuvosa

Por Redação* | Edição do dia 21 de fevereiro de 2022
Categoria: Maceió | Tags: ,,


Alagamentos, quedas de estruturas e desabamento de duas casas. Esse foi o saldo da chuva que caiu em Maceió na noite deste domingo (20). Para tentar atender a essas demandas e minimizar os impactos das chuvas, equipes da Prefeitura de Maceió estão nas ruas da capital. O prefeito JHC acompanhou o andamento das ações e reforçou que a prioridade é salvar vidas e dar assistência a todos os maceioenses, especialmente os que moram em áreas de risco.

Com a aproximação do período chuvoso, JHC disse as medidas que já estão sendo realizadas em caráter de prevenção: “já realocamos algumas famílias para conjuntos habitacionais e, aquelas que não puderem ser contempladas, vamos promover o aluguel social. A segurança dessas pessoas depende de um afastamento das áreas de risco, até para que possamos realizar os trabalhos preventivos com maior eficácia e celeridade”, enfatizou o prefeito.

JHC falou ainda sobre as ações para evitar alagamentos e outros transtornos à população. “A cidade cresceu de forma desordenada, temos drenagem subdimensionada, e projetos que vão demandar tempo para melhorar a qualidade de vida dessas pessoas. São projetos que precisam de articulação, e enquanto isso não podemos ficar de braços cruzados, estamos pensando na vida das pessoas”.

Foto: Edvan Ferreira/Secom Maceió

Foto: Edvan Ferreira/Secom Maceió

Ocorrências atendidas

A Defesa Civil de Maceió registrou uma média de 40mm de chuvas e foi acionada, até então, para três ocorrências, que envolveram alagamento na Avenida Geraldo Melo, queda de muro no Jacintinho e desabamento de duas residências no conjunto José da Silva Peixoto.

Com o desabamento, quatro residências ficaram comprometidas e as famílias foram acolhidas pela Diretoria Social da Defesa Civil, que as encaminhou para o Centro de Atendimento Socioassistencial (CASA) e para a Secretaria Adjunta de Habitação de Maceió.

Nenhuma das famílias quis ir para unidades de acolhimento da Secretaria Municipal de Assistência Social (Semas), preferindo a casa de parentes. O Casa aguarda o comparecimento dessas famílias à unidade para iniciar o processo de garantia do auxílio-moradia.

Foto: Ascom Sudes

Foto: Ascom Sudes

Já a Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminfra) segue com equipes de manutenção e drenagem, realizando serviços de desobstrução e reparos nas redes de água pluvial. Também vem sendo feito um monitoramento dos pontos mais críticos da cidade e estão sendo realizadas as intervenções necessárias.

Os reparos nos semáforos que apresentaram problemas após quedas de energias também estão sob atenção da Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito (SMTT). Agentes do órgão também estão nas ruas orientando os condutores e pedestres para garantir a segurança viária.

Já a Superintendência Municipal de Desenvolvimento Sustentável (Sudes) intensificou os serviços de limpeza, poda de árvore em áreas de risco, recolhimento de resíduos e desassoreamento de canais em pontos críticos da cidade mapeados pelo órgão. Essas ações são combativas e preventivas, prevenindo transtornos e acidentes durante o período chuvoso.

Como acionar a Prefeitura

Em caso de ocorrências, os maceioenses podem acionar a Defesa Civil de Maceió através do telefone 199, que funciona 24h. A ligação é gratuita. Já a Sudes atende por meio da Central de Monitoramento pelo 0800 082 2600 ou pelo WhatsApp 98802-4834.

Para acionar a SMTT, a população pode ligar para o 3312-5340, que funciona 24 horas por dia.

O Centro de Atendimento Socioassistencial fica localizado na Avenida Amazonas, 90, no bairro do Prado (em frente à Praça da Faculdade). Para mais informações o telefone de contato é o 3312-5926, das 8h às 16h.

As famílias que se dirigirem ao CASA terão atendimento prioritário. Elas devem levar  o encaminhamento da Defesa Civil (em caso de perda deste, é preciso levar o Boletim de Ocorrência que comprove o extravio), além de documento de identificação com foto.

*Com assessoria

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados