Cerca de 500 gestantes e nutrizes recebem cestas básicas em Palmeira

Benefício faz parte do Programa de Complementação Alimentar para Gestantes e Nutrizes

Cerca de 500 gestantes e nutrizes recebem cestas básicas em Palmeira

Benefício faz parte do Programa de Complementação Alimentar para Gestantes e Nutrizes

Por | Edição do dia 24 de outubro de 2018
Categoria: Notícias, Regionais | Tags: ,,,


Foto: Diego Wendric/Assessoria

A Prefeitura de Palmeira dos Índios e o Governo do Estado de Alagoas, por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social e da Secretaria de Estado de Assistência e Desenvolvimento Social (Seads), realizaram nesta terça-feira (23), mais uma edição do Programa de Complementação Alimentar para Gestantes e Nutrizes. A entrega de cerca de 500 cestas básicas foi feita no auditório da Casa Museu Graciliano Ramos, para mulheres cadastradas no Programa e em Situação de Vulnerabilidade Social e Insegurança Alimentar e Nutricional.

O Programa, que é voltado para nutrizes com crianças de até seis meses de vida e gestantes inscritas no Cadastro Único, tem como objetivo garantir alimentação adequada, em quantidade e qualidade, além de reduzir os indicadores de mortalidade infantil. Para receber a cesta nutricional as gestantes ou nutrizes precisam levar o Cartão do Programa, Identidade, cópia do Cartão da Gestante, cópia do cartão de vacina da criança e a Certidão de Nascimento da criança. Os kits são compostos de 14 itens, como arroz, feijão, macarrão, leite em pó, farinha de mandioca e de milho, aveia em flocos e biscoitos.

Para a secretária municipal de Assistência Social Mônica Targino, a cada entrega de cesta a emoção toma conta de todos os envolvidos no Programa. “Estamos muito felizes em poder entregar, mais uma vez, as cestas básicas do Programa em Palmeira, por meio do Governo do Estado de Alagoas, em parceria com a Prefeitura de Palmeira. Para quem ainda não se cadastrou, estamos realizando os cadastros no Cras e na Secretaria de Assistência Social. Para ter direito ao benefício, as gestantes precisam ser acompanhadas em pré-natal nos postos de saúde e ter um monitoramento para poder continuar recebendo as cestas, que é feito pela Secretaria Municipal de Saúde”, explicou a secretária.

De acordo com o prefeito Júlio Cezar, é dever do governo se preocupar com a alimentação das gestantes e das nutrizes, para que mães e bebês também tenham vida saudável. “A parceria com o Governo do Estado, mais uma vez, tem proporcionado grandes benefícios para as mulheres grávidas, nutrizes e crianças da nossa cidade. É nosso dever ajudar aos que mais precisam e tanto o Governo Municipal quanto o Governo Estadual, têm se preocupado com isso. Ficamos muito felizes em ajudar e reduzir a mortalidade infantil no município. Parabenizo o trabalho da secretária municipal de Assistência Social Mônica Targino e toda a sua equipe pelo trabalho desenvolvido ao longo desse período”, disse o prefeito Júlio.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados