CBF não cumpre promessa e deixa Sul-Minas-Rio sem resposta

A entidade comprometeu a dar em até 48 horas sua posição sobre a criação da liga e do torneio

Por | Edição do dia 6 de outubro de 2015
Categoria: Esportes, Futebol Nacional


A direção da CBF não cumpriu a promessa feita na quinta-feira passada aos representantes da Liga Sul-Minas-Rio, com quem se reuniu na sede da entidade. Naquela oportunidade, se comprometeu a dar em até 48 horas sua posição sobre a criação da liga e do torneio que vai agrupar clubes do Sudeste e do Sul no início de 2016.

Ao sair daquela reunião, o executivo da liga, Alexandre Kalil, contou que enfatizou bem ao presidente da CBF, Marco Polo Del Nero, que “48 horas eram 48 horas, nada mais”. Segundo ele, o anfitrião respondeu que ficasse tranquilo, pois o prazo seria cumprido.

A liga sustenta que vai pôr o torneio “na rua” independentemente da manifestação da CBF. Mas, por uma questão de hierarquia, achou conveniente “conversar” com a entidade.

“Não estou preocupado com a resposta”, disse Alexandre Kalil ao Terra , nesta terça-feira. A Comunicação da CBF informou que não havia ainda uma posição oficial.

“Estamos trabalhando arduamente para botar o bloco na rua. Nada vai nos atrapalhar”, continuou Kalil. Ele adiantou que até a terça-feira da semana que vem já tem dois encontros agendados com emissoras de TV dispostas a transmitir a Copa Sul-Minas-Rio.

kalil afirma que Liga Sul-Minas-Rio sairá mesmo sem aval da CBF

kalil afirma que Liga Sul-Minas-Rio sairá mesmo sem aval da CBF

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados