Casal realiza fiscalização de combate a fraudes em Palmeira dos Índios e Quebrangulo

Líquido furtado prejudicava abastecimento da cidade e estava sendo utilizado para irrigação de bananeiras, plantações e criação de gado

Casal realiza fiscalização de combate a fraudes em Palmeira dos Índios e Quebrangulo

Líquido furtado prejudicava abastecimento da cidade e estava sendo utilizado para irrigação de bananeiras, plantações e criação de gado

Por Assessoria | Edição do dia 21 de maio de 2021
Categoria: Alagoas | Tags: ,,


A Companhia de Saneamento de Alagoas (Casal) segue realizando ações de combate a fraudes e desvios de água. Uma delas ocorreu na quinta-feira (15) passada, nas adutoras dos Sistemas Caçamba e Carangueja, que ligam as cidades de Palmeira dos Índios e Quebrangulo. Cerca de 15 imóveis foram fiscalizados.

A iniciativa, comandada pela Unidade de Negócio Serrana e pela Superintendência de Negócio do Interior (Sunei), ambas da Casal, com o apoio de empresas terceirizadas, encontrou cinco irregularidades, sendo elas 2 ligações clandestinas, 1 by-pass (mais conhecido como “gato”), 1 propriedade sem hidrômetro e 1 cavalete solto da rede, por onde 3 casas eram abastecidas clandestinamente. A água furtada estava sendo utilizada para irrigação de bananeiras, plantações e criação de gado.

O coordenador comercial Edson Francisco explicou que os desvios de água estavam prejudicando diretamente todo o município de Palmeira dos Índios, parte da zona rural de Estrela de Alagoas e Igaci.

Ao constatar as irregularidades, foram feitos B.O.s (boletins de ocorrência), as ligações clandestinas foram desfeitas e os responsáveis, multados.

Após a operação, os técnicos já observam a melhoria no abastecimento da região, especialmente na quantidade de água que chega à Estação de Tratamento de Palmeira dos Índios.

A Casal ressalta que quem quiser denunciar furtos de água ou outras irregularidades pode ligar para o número 0800 082 0195, que atende de segunda a sexta-feira, das 7h às 20h, e aos sábados, domingos e feriados, das 7h às 19h. A ligação é gratuita e pode ser feita de telefone celular. Quem preferir pode acionar a Companhia pelo Whatsapp 98139-9892 ou mandar mensagem para o e-mail callcenter@casal.al.gov.br.

Fiscalização encontrou ligação clandestina (furto de água) em propriedade rural situada entre Palmeira e Quebrangulo (Foto: Assessoria)

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados