Casal, Equatorial e Secretaria de Infraestrutura do Estado apresentam planos para melhoria do abastecimento de água

Casal, Equatorial e Secretaria de Infraestrutura do Estado apresentam planos para melhoria do abastecimento de água

Por Ascom Defensoria Pública | Edição do dia 12 de março de 2021
Categoria: Alagoas, Notícias | Tags: ,,,,,


Em reunião on-line, ocorrida nessa quinta-feira (11) representantes da Companhia de Saneamento de Alagoas (Casal), Equatorial Energia e Secretaria de Estado de Infraestrutura (Seinfra) apresentaram aos defensores públicos Andrea Tonin, Carina Soares, Heloísa Bevilaqua e Lucas Valença as propostas para a resolução definitiva e de emergência das constantes interrupções do abastecimento de água no Sertão alagoano.

Em razão da necessidade de resolução emergencial do problema, especialmente devido ao momento de pandemia, em que a água é uma das principais ferramentas para o combate ao vírus, a Casal, Equatorial e Seinfra se propuseram a apresentar, até o dia 22 deste mês, medidas concretas para a normalização do abastecimento.

Algumas das medidas que poderão ser adotadas envolve a instalação de um novo motor bomba na zona de captação já nos próximos dias. Será estudada, ainda, a possibilidade de funcionamento das bombas de captação durante 24 horas, tendo em vista que, atualmente, é necessário desligar os equipamentos por 4 horas durante o período de maior utilização de energia elétrica.

A Seinfra, por sua vez, afirmou que finalizará obras de infraestrutura de grande porte, que possuem a capacidade de melhorar completamente a distribuição de água em diversas cidades do sertão, isso no intervalo de aproximadamente 06 meses. No curto prazo, havendo possibilidade do aumento do fornecimento de energia elétrica pela equatorial, se comprometeu a instalar um novo motor bomba num curto intervalo de tempo, o que aumentaria consideravelmente a capacidade de captação de água.

A Casal se comprometeu, ainda, a aumentar as fiscalizações de combate ao furto de água, assim como passou a disponibilizar mais carros pipas à população prejudicada.

A Equatorial, por sua vez, também se comprometeu a disponibilizar equipes de funcionários de sobreaviso para restabelecer o mais rápido possível as interrupções de energia elétrica que prejudicam a distribuição de água.

O plano para apresentação das demais medidas emergenciais será apresentado pelos referidos órgãos aos defensores públicos no próximo dia 22 de março.

A situação de desabastecimentos prolongados, que prejudica cidadãos de diversos municípios desde 2016, vem sendo discutida nas últimas semanas, após atuação da Defensoria Pública e ingresso de ação civil pública, que resultou na determinação judicial à Casal, para que adote medidas imediatas para sanar o problema.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados