Casal deve investir R$ 500 mil na recuperação do Emissário Submarino

Serviços começam ainda este ano e terão entre as consequências o prolongamento da vida útil dos equipamentos

Por | Edição do dia 16 de novembro de 2015
Categoria: Artigos, Meio Ambiente, Notícias | Tags: ,,


SAD

Entrada da Estação do Emissário Submarino, onde serão feitas obras de recuperação (Foto Ascom)

Cerca de R$ 500 mil deverão ser investidos pela Companhia de Saneamento de Alagoas (Casal) na recuperação de estruturas que fazem parte da estação do Emissário Submarino da capital, localizado no bairro do Prado.

Os serviços deverão começar ainda este ano e contemplam três etapas: limpeza de poço de sucção e canal de chegada de esgoto; inspeção e recuperação da tubulação de recalque vertical de 300mm e de 600mm, além da tubulação que interliga o PV de entrada do poço de sucção, em 1.200mm; e a recuperação da calha parshall e dos pilares de sustentação.

De acordo com o engenheiro químico Júlio Balbino, que é supervisor de Tratamento de Esgoto da companhia, após a realização desses serviços, haverá um prolongamento da vida útil dos equipamentos do Emissário, entre eles motores e bombas, além de maior fluidez na disposição oceânica do esgoto. Outra consequência, apontou o engenheiro, será a redução no consumo de energia, o que vai gerar economia para a Casal.

“Conforme determinação do governador Renan Filho, temos que fazer mais com menos e trabalhar para melhorar a qualidade dos serviços prestados à população. É com essa intenção que temos pautado nosso trabalho na companhia”, definiu o presidente da Casal, Clécio Falcão.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados