Casa de Direitos aumenta 63,5% nos atendimentos à comunidade

Balanço constata que de janeiro a março de 2017 foram realizados 1.604 atendimentos

Casa de Direitos aumenta 63,5% nos atendimentos à comunidade

Balanço constata que de janeiro a março de 2017 foram realizados 1.604 atendimentos

Por | Edição do dia 26 de abril de 2017
Categoria: Alagoas, Notícias | Tags: ,,


Casa de Direitos, no Jacintinho (Foto: assessoria)

Casa de Direitos, no Jacintinho (Foto: assessoria)

Os três primeiros meses de 2017 trouxeram bons resultados para a Casa de Direitos de Maceió. Isso porque, o índice de atendimentos subiu 63,5% se comparado ao mesmo período do ano passado. O equipamento, coordenado pela Secretaria de Estado de Prevenção à Violência (Seprev), oferece serviços à comunidade do bairro do Jacintinho e região.

Os dados levantados pela Seprev mostram que de janeiro a março de 2017 foram realizados 1.604 atendimentos, sendo 802 pelo Núcleo de Justiça Comunitária. De acordo com a titular da pasta, Esvalda Bittencourt, a Casa de Direitos atende a população ofertando serviços desde a emissão de documentos até acesso à Justiça.

“Desde 2014 levamos os serviços para dentro do bairro do Jacintinho, que foi escolhido por ser um local de grande vulnerabilidade social. Os serviços do Núcleo de Justiça Comunitária auxiliam a mediar os conflitos, evitando que sejam levados ao Judiciário”, afirmou Esvalda.

Além do Núcleo de Justiça Comunitária, atua também no local a Defensoria Pública do Estado e União, Tribunal de Justiça, o Instituto de Identificação, dentre outros órgãos. “O proposito é gerar inclusão social, colaborar com a redução de violência e combater a inconformidade social”, disse a secretária.

A Casa de Direitos está localizada na Praça do Mirante do Jacintinho e funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados