Campanha Maio Furta-Cor ressalta a importância de abordar a saúde mental materna

O objetivo da campanha é conscientizar a população para os cuidados necessários com a saúde mental da mãe

Campanha Maio Furta-Cor ressalta a importância de abordar a saúde mental materna

O objetivo da campanha é conscientizar a população para os cuidados necessários com a saúde mental da mãe

Por Redação com Assessoria | Edição do dia 3 de maio de 2022
Categoria: Saúde | Tags: ,,,,,


Quando pensamos no nascimento de um bebê, logo vem à mente a saúde e os cuidados necessários com o recém-nascido, no entanto, normalmente nos esquecemos da saúde e dos cuidados com a mãe, inclusive da saúde mental da mulher que passa pelo puerpério, um período difícil, de restrições e adaptações. Desse modo, com o objetivo de sensibilizar a população para a causa da saúde mental materna, a campanha Maio Furta-Cor, propõe-se a realizar ações de conscientização ao longo de todo o mês de maio, época em que celebramos nacionalmente o mês das mães.

O período perinatal é o momento de maior vulnerabilidade para adoecimentos mentais no ciclo vital de uma mulher. De acordo com o Ministério da Saúde (MS), a depressão pós-parto acomete mais de 25% das mães no Brasil, sendo a depressão apenas um exemplo de adoecimento mental da mãe.

Para discutir o assunto e trazer à pauta a campanha Maio Furta-Cor, a Maternidade Escola Santa Mônica (MESM) vai promover no próximo dia 10 (terça-feira), às 9h, uma mesa redonda. O evento acontecerá de forma presencial, no auditório superior da MESM.

Serão facilitadoras do evento a psicóloga da MESM Regina Japiá, representante de Maceió da Campanha Nacional Maio Furta-Cor e especialista em Psicologia Clínica e da Saúde e Formação em Psicologia Perinatal. A psicóloga vai abordar a temática ‘Campanha Maio Furta Cor: Saúde Materna Importa!’. Além dela, a mesa redonda vai contar ainda com a enfermeira da MESM, especialista em obstetrícia e mestra em Enfermagem, Patrícia Maria da Silva Rodrigues, que vai abordar a temática: ‘A maternidade e a cultura do bem-estar pleno: precisamos falar sobre isso!’ e a assistente social da MESM Márcia Cristina de Sousa, especialista em Serviço Social e Política Social e conselheira do Conselho Municipal dos Direitos da Mulher de Maceió – CODIM.

As inscrições para o evento serão gratuitas. Para participar, basta acessar o link: https://forms.gle/4aY5vk2PEC3U51HK9.

Além da mesa redonda, a maternidade vai realizar o I Encontro de Mães da MESM que vai debater a temática da saúde mental materna com mães internas e acompanhantes. O evento acontecerá no dia 11 (quarta-feira), às 9h, no auditório superior da MESM. Durante o evento haverá palestras e distribuição de brindes.

 

Sobre o Maio Furta-Cor

Maio Furta-Cor é uma campanha sem fins lucrativos, democrática e apartidária que visa sensibilizar a população para a causa da saúde mental materna. Dentre os objetivos da campanha estão: sensibilizar a população para a causa da saúde mental materna; promover ações de conscientização em saúde mental materna baseadas em evidências científicas; fomentar discussões nos mais variados espaços, públicos em privados, em torno da saúde mental das mães, papéis de gênero, sobrecarga materna e pautas que dialoguem com a causa; encorajar mudanças culturais e estruturais a partir da difusão de informações e reivindicar a garantia de direitos e políticas públicas de saúde que contemplem as mães.

A campanha conta com 82 representantes em 74 cidades de 03 países, incluindo o Brasil. A psicóloga da MESM Regina Japiá é a representante de Maceió da campanha.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados