Caixa fecha autoatendimento no feriado e gera revolta em Palmeira

Obstáculos encontrados pelos usuários da Caixa, tem sido recorrente nos finais de semana e feriados

Caixa fecha autoatendimento no feriado e gera revolta em Palmeira

Obstáculos encontrados pelos usuários da Caixa, tem sido recorrente nos finais de semana e feriados

Por | Edição do dia 15 de novembro de 2018
Categoria: Alagoas, Notícias | Tags: ,,,,


Agência cheia é algo que todo mundo já teve de encarar. Até aí nenhuma novidade. Acrescente ao fato a ausência de quase todos os caixas e a queda do sistema no meio do expediente para aumentar a inconveniência, não é um assunto novo, e quanto mais comum vai ficando menor é a nossa capacidade de nos impressionar e reagir.

Caixas eletrônicos inoperantes durante os finais de semana e feriados, falta de envelopes para depósito, ar condicionados sem funcionar. Esses são os obstáculos encontrados pelos usuários da Caixa Econômica Federal em Palmeira dos Índios.

“As grandes almas sofrem em silêncio”, mas como tudo tem um limite, quem precisou utilizar serviços de autoatendimento da Caixa nesta quinta-feira (15), feriado da Proclamação da República, ficaram irritados ao encontrarem o autoatendimento fechado.

A aposentada dona Clelia de 61 anos moradora do Distrito de Canafistula de Frei Damião, foi à agência da Caixa efetuar um seque para comprar medicamento e foi pega de surpresa. “Estou aqui desde às 8;10h, aguardando o autoatendimento abrir, estou doente e precisando de dinheiro para comprar meu remédio e a caixa fechada, não tem um anúncio, eu acho isso um desrespeito muito grande ao cliente, e não é o primeiro episódio”, desabafou.

“Cheguei a conversar com outros correntistas e eles afirmaram que esse é um problema que aconteceu no feriado de finados. “Fica um caos aos fins de semana e complica mais ainda para quem é correntista por conta do pagamento do funcionalismo federal e estadual, que sai praticamente na mesma data. Um desrespeito e uma humilhação aos clientes que pagam caro pela manutenção de suas contas”, protestou um policial militar aposentado que pediu para não ter o nome revelado.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados