Cadeirinhas reduzem em até 80% as mortes de crianças no trânsito

Cadeirinhas reduzem em até 80% as mortes de crianças no trânsito

Por | Edição do dia 5 de outubro de 2018
Categoria: Brasil, Notícias | Tags: ,,,,


CADEIRAS

Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), no feriado da Independência (07/09), o número de autuações por transporte de crianças sem equipamentos exigidos (como bebê conforto e cadeirinha) cresceu 41%, em comparação ao mesmo período de 2017. O código de segurança brasileiro determina que crianças de 1 ano até os 10 devem utilizar a proteção individual nos acentos de carros.

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), as cadeirinhas e dispositivos de segurança reduzem 70% das mortes entre bebês e entre 54% e 80% das mortes de crianças.

O Departamento Nacional de Trânsito reforça  que os pais devem ficar atentos às instruções do manual das cadeiras especiais, pois a maioria das cadeiras e assentos de segurança é fixada de forma incorreta.

“É fundamental o uso adequado da cadeirinha seguindo as instruções corretas de instalação e tipo referente a cada idade. É mais do que provado que a cadeirinha pode salvar vidas e também minimiza a consequência do acidente na criança”, explicou a coordenadora-geral de Infraestrutura no Trânsito, Juliana Lopes.

Somente no Brasil, os motoristas flagrados com crianças no banco de trás, mesmo usando o cinto, mas sem a cadeirinha (indicada para crianças de um a quatro anos de idade), respondem a infração gravíssima, com 7 pontos na carteira e multa de R$ 293,47.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados