Barra de São Miguel divulga balanço do pós Carnaval

Evento não registrou nenhum óbito na Barra de São Miguel. Houve a ocupação total da rede hoteleira, economia e a alegria dos foliões

Barra de São Miguel divulga balanço do pós Carnaval

Evento não registrou nenhum óbito na Barra de São Miguel. Houve a ocupação total da rede hoteleira, economia e a alegria dos foliões

Por | Edição do dia 11 de março de 2017
Categoria: Notícias, Regionais | Tags: ,,


Assessoria

Assessoria

O balanço do Carna Barra 2017 reuniu, esta semana, todos os envolvidos do município responsáveis pela organização do evento. A Prefeitura Municipal da Barra de São Miguel, onde aconteceu a avaliação, comemorou não apenas a participação de 10 mil a 12 mil foliões por noite, na Praça de Eventos, mas o fato de a festa ter transcorrido com segurança e sem registrar nenhum óbito. Outro indicador positivo foi a ocupação de 100% da rede hoteleira.

O prefeito da Barra de São Miguel, José Medeiros, o Zezeco, começou a reunião parabenizando a equipe pelo desempenho e compromisso. Ele já convocou a equipe para pensar em melhorias para a próxima edição da maior festa popular do País. “Vamos pensar, por exemplo, em solicitar dos interessados que solicitem o desfile de bloco com um mês de antecedência”, afirmou.

Segundo a secretária municipal de Turismo, Cláudia Pessôa, o público garantiu uma movimentação na economia do município, pois foram 42 barracas funcionando no entorno da praça, externamente, e 50 ambulantes comercializando dentro da praça, além de vários imóveis alugados por temporada.

ATENDIMENTOS

A secretária municipal de Saúde, Roberta Borges, apresentou o relatório do número de atendimentos que corresponderam a 418. Desse total, apenas 14 casos foram encaminhamentos para Maceió. Os demais foram resolvidos na Unidade Policlínica Dr. José Gonçalves, que é o posto de atendimento emergencial médico de baixa complexidade. “Do total de atendimentos, 240 pacientes foram da Barra e 178 de outros municípios. A maioria dos atendimentos foi por excesso de bebida alcoólica e 72 pacientes precisaram ficar em observação”, afirmou Roberta.

O Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu) foi utilizado apenas em dois momentos envolvendo acidentes. A equipe de saúde da Barra funcionou com 110 funcionários e todos do município.

No último dia 21 de fevereiro, foi firmado o Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) pelo Ministério Público Estadual (MPE) com vistas à definição de regras para o Carna Barra 2017 no que se refere à normatização da segurança, higiene, fluidez do trânsito e outros aspectos. A Prefeitura Municipal da Barra de São Miguel, a Polícia Militar, a Eletrobras, a Companhia de Abastecimento de Alagoas (Casal), o Corpo de Bombeiros, Samu, Polícia Civil, Conselho Tutelar da Barra participaram da assinatura do termo, além do MPE.

Entre os pontos acordados estavam o horário de encerramento da folia, às 2h da madrugada, e a fiscalização para manter o silêncio após esse período, inclusive nas residências. A fiscalização foi rigorosa a fim de assegurar a lei do sossego, inclusive não foi permitida a emissão de som automotivo em veículos particulares do tipo “paredão” ou similares no município da Barra. O evento contou com a parceria do Governo do Estado, Skol e Solara.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados