Bandidos cercam PM e explodem caixa eletrônico em Inhapi

Bandidos cercam PM e explodem caixa eletrônico em Inhapi

Por | Edição do dia 10 de setembro de 2016
Categoria: Notícias, Polícia | Tags: ,,


Foto: cortesia PM/Correio Notícia

Foto: cortesia PM/Correio Notícia

Em uma ação altamente organizada e igualmente ousada, um grupo de criminosos explodiu um caixa eletrônico do Banco Bradesco em Inhapi durante a madrugada deste sábado (10), enquanto mantinha cerco ao Grupamento de Polícia Militar (GPM) da cidade. De acordo com relatos, toda ação decorreu sem o disparo de um único tiro.

Os criminosos estavam em dois carros, um deles uma picape vermelha, fortemente armados e, segundo testemunhas, com roupas escuras que lembravam fardamento militar. Parte do grupo cercou o GPM, fechando acesso à Rua do Comércio, onde fica a agência, e os demais foram aos caixas. Contudo, a carga de explosivos instalada foi muito grande e destruiu parte do prédio da agência.

Não foi divulgado quanto dinheiro os bandidos levaram do caixa eletrônico, apenas que toda operação teria transcorrido dentro de poucos minutos. Eles fugiram pela AL-140, na direção de Mata Grande, que em seguida se abre em vários acessos para o estado de Pernambuco.

Outra surpresa ocorreu quando a polícia seguiu no encalço dos bandidos. Reforçados por guarnições da Companhia de Operações Policiais Especiais do Sertão (Copes) e do Pelotão de Operações Especiais (Pelopes), a polícia parou a perseguição na altura do povoado Leobino, pouco mais de 5km depois de Inhapi. Os bandidos haviam espalhado grampos na pista, impedindo a perseguição pela rodovia.

Após limpar a pista, as diligências continuaram, mas nenhum suspeito foi localizado.

SSP se pronuncia

A Secretaria de Segurança Pública lançou nota neste sábado para esclarecer os fatos e garantir que os criminosos serão punidos. Também informou que a Polícia Militar e equipes da Seção de Roubo a Banco (Serb), da Polícia Civil, continuam fazendo rondas e foram ao município de Inhapi.

Confira a íntegra da nota:

A Secretaria de Segurança Pública, por meio do 9° Batalhão, em relação à explosão da agência do Banco Bradesco, de Inhapi, informa que o fato ocorreu 1h15, deste sábado (10), menos de uma hora após a saída de guarnições da Companhia de Operações Policiais Especiais (Copes) da cidade.

Teriam participado da ação criminosa de seis a oito homens com armas longas, utilizando na fuga uma picape vermelha e outro carro de modelo não identificado levando um pacote.

Imediatamente o Pelopes do 9° BPM e também guarnições da Copes foram ao local, mas os criminosos dificultaram a perseguição espalhando grampos no acesso principal da cidade, após a entrada da BR 423.

Ao contrário das especulações, não houve tiros em direção às viaturas militares, tampouco disparos feitos pelas guarnições.

Mesmo com os obstáculos criados pelos bandidos, a polícia usou atalhos para diligências atingindo outras localidades como Mata Grande, Canapé e Inaja.

A Polícia Militar e equipes da Seção de Roubo a Banco (Serb), da Polícia Civil continuam fazendo rondas e foram ao município de Inhapi.

A Secretaria de Segurança Pública se empenhará, como em todas as situações de ação criminosa similar, para identificar e prender os responsáveis.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados