Avança Escola 10 estimula o protagonismo estudantil na região norte do estado

Ação mobilizou cerca de mil estudantes de 15 escolas e apresentou projetos de sucesso elaborados pelos alunos

Avança Escola 10 estimula o protagonismo estudantil na região norte do estado

Ação mobilizou cerca de mil estudantes de 15 escolas e apresentou projetos de sucesso elaborados pelos alunos

Por Assessoria | Edição do dia 22 de novembro de 2021
Categoria: Alagoas, Educação | Tags: ,,


Mais uma vez o Avança Escola 10 foi palco para o protagonismo estudantil da rede estadual de ensino. A caravana da Educação, promovida pela Secretaria de Estado da Educação (Seduc), esteve na região norte de Alagoas, na última sexta-feira (19), com a 3ª edição do projeto – dentro da programação do Governo Presente -, promovendo um intercâmbio de conhecimento entre as escolas que compõem a 10ª Gerência Regional. Estudantes de 12 municípios diferentes participaram do encontro em um grande momento de troca de experiências na anfitriã da vez, a Escola Estadual Maria Antônia Oliveira dos Santos, em Matriz de Camaragibe.

Governo de AL também lançou o programa Cartão Escola 10. Foto: Jonathan Lins.

“É um momento único de colaboração intensa entre as escolas, hora de partilhar as experiências boas de cada uma e celebrar os avanços da educação de Alagoas, através do comprometimento de todos os servidores. Nunca se investiu tanto na educação pública alagoana e o Avança é esse momento onde alunos e professores partilham desse momento único e reforçam a importância de todos os nossos programas em andamento e em como isso tem transformado a realidade de quem ama e faz a educação de Alagoas”, destacou o Secretário de Estado da Educação, Rafael Brito.

O dia foi de compartilhamento de ações exitosas entre as escolas, discussão e capacitação para os educadores e uma grande oportunidade de estimular o protagonismo dos estudantes, por meio de estandes expositivos, apresentações culturais, palestras e espaços interativos. O convidado especial, professor Romário Farias, coordenador da rede de ensino estadual da Paraíba, ministrou a palestra sobre protagonismo juvenil no ensino médio e reforçou a importância da promoção desses momentos de integração entre as escolas, para o desenvolvimento dos estudantes.

“Eventos como esse, em que a escola proporciona a interação dos jovens, e esse intercâmbio de ideias, é um importante espaço para que o aluno desenvolva o seu protagonismo e esteja preparado para ser inserido na sociedade”, avaliou o professor Romário.

Histórias de êxito

Nos estandes expositivos, o protagonismo dos estudantes foi apresentado por meio de projetos tecnológicos e empreendedores, incentivados pelo Programa Escola 10, que tem como objetivo investir na melhoria da aprendizagem e impactar na vida dos jovens que passam a ter novas oportunidades.

Um exemplo é a história de Débora Oliveira, aluna do EJA (Educação de Jovens e Adultos) da escola de regime integral, Nossa Senhora da Apresentação, do município de Porto Calvo. Aos 28 anos a aluna voltou a estudar, e passou a fazer um curso técnico de confeitaria na unidade de ensino. Por meio da capacitação, atualmente, Débora é empreendedora e vende doces gourmet para complementar a renda.

“É uma oportunidade que a gente tem de aprender algo novo, desenvolver uma nova habilidade e também ganhar um dinheiro extra. Além das aulas práticas de confeitaria na escola, nós também tivemos aulas de marketing e empreendedorismo. E isso nós podemos levar pra vida e para outros projetos futuros”, pontuou Débora.

Já na exposição de robótica, a ‘Equipe Autobot’, grupo de estudantes da Escola Delmo Ferreira da Silva, de Jundiá, chamou atenção pelo projeto ambicioso de uma casa futurista, totalmente automatizada. A estudante Emily Oliveira Sobral conta que a proposta do grupo foi esboçar como deve funcionar uma casa no futuro, com a integração da tecnologia aos aparelhos eletrônicos domésticos.

“O propósito da casa do futuro é facilitar a vida das pessoas através da tecnologia. A estrutura é cheia de sensores inteligentes que percebem o movimento dos moradores. Com as aulas de robótica na escola, nós tivemos a ideia desse projeto que é uma representação de como pode ser uma casa daqui há alguns anos, com a tecnologia promovendo maior comodidade às pessoas”, ressalta Emily.

A programação também contou com aulões, espaço de jogos, show de talentos e um cine educativo, que exibiu curtas-metragens brasileiros com temáticas raciais, que culminaram numa roda de conversa sobre a Semana da Consciência Negra. Além disso, no espaço do miniauditório, professores e servidores participaram de bate-papos sobre os avanços do Programa Escola 10, estratégias e mobilizações para o SAEB, e apresentações dos novos programas Professor Mentor e Vem que dá Tempo.

Cartão Escola 10

Ao lado do Governador Renan Filho, o Secretário Rafael Brito anunciou diretamente para os estudantes o mais novo programa de incentivo financeiro de combate à evasão escolar, o Cartão Escola 10. O projeto, que é o maior investimento que beneficia diretamente os estudantes da história do estado, prevê o pagamento mensal de uma bolsa de R$ 100 aos estudantes da rede pública estadual que mantiverem 80% da frequência escolar.

Além disso, o Governo de Alagoas, por meio da Secretaria de Estado da Educação (Seduc), pretende começar a pagar ainda este ano, uma gratificação de R$ 500 aos estudantes que voltarem para a escola no retorno do ensino presencial e um prêmio de R$ 2 mil para os concluintes do ensino médio. O executivo estadual trabalha para aprovação do projeto de lei que viabiliza o programa junto a Assembleia Legislativa do Estado (ALE).

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados