Boa Noite!, Segunda-Feira - 22 de Abril de 2019

 

APP Touch Saúde reforça a importância da prevenção ao câncer de mama

Com Assessoria / 12:30 - 25/01/2019


O câncer de mama é o tipo mais comum nas mulheres em todo mundo. Segundo dados do Instituto Nacional de Câncer (INCA), estima-se que sejam diagnosticados 59.700 novos casos no Brasil por ano. A preocupação com esse quadro levou a Enfermeira, docente e responsável pelos convênios no Centro Universitário CESMAC, Alessandra Pontes, a criar o “Aplicativo Touch Saúde”, Tecnologia na palma da mão”.  APP- Touch- Sáude- reforça- a- importância- da- prevenção- ao- câncer- de- mama- Cesmac_ (01)

O objetivo do APP é desmitificar o câncer de mama e combatê-lo, ajudando as mulheres a detectarem os primeiros sinais da doença, intensificando o autoconhecimento por meio do toque. O APP, que é gratuito e pode ser adquirido em versões androides (Play Store) e está em processo de conclusão para também ser acessado na plataforma IOS (iphone), é simples e muito fácil de ser utilizado.

Com o auxílio da interface e ferramentas de fácil uso do aplicativo, será possível: descobrir o melhor dia para a realização do autoexame; identificar alterações e sinais da doença que irão auxiliar no diagnóstico, além de ter acesso à localização dos hospitais mais próximos. O trabalho está sendo desenvolvido com a equipe do Touch Saúde, que conta também com Ângela Nascimento e Kledson Soares Ferreira.

A profissional sabe do que está falando, pois já enfrentou bravamente a doença e desde então não consegue parar de pensar em possibilidades para alertar as mulheres sobre esse processo. Diagnosticada em 08 de março de 2013, justamente no Dia Internacional da Mulher, Alessandra, que na época tinha 38 anos (hoje tem 44) partiu em busca da cura, fazendo o tratamento fora do Estado de Alagoas, onde também fez a reconstrução mamária após a cirurgia de retirada total.

Durante todo esse processo, nunca desanimou, sempre muito alegre e com pensamento positivo, venceu a doença. Foi justamente focada nesse caminho que pensou em criar o APP para ajudar também a outras mulheres, principalmente na prevenção da doença e também na identificação, diagnóstico e tratamento desde o início, onde as chances de cura chegam a 95%.

Nesse período, a profissional também se aprofundou no campo da tecnologia com Mestrado, pela Universidade Federal de Alagoas (UFAL), em Modelagem Computacional do Conhecimento, no Programa das Ciências da Computação. Agora, é doutoranda no Dinter Mackenzie CESMAC, tornando-a referência em saúde e tecnologia.

De acordo com Alessandra Pontes, a trajetória pode até ser difícil, mas o importante é pensar positivo e nunca parar. “O pensamento focado na cura e a certeza de que tudo vai ficar bem é extremamente importante nessa caminhada. Outro ponto fundamental é o diagnóstico precoce, que só é possível com a prevenção. Pensando nisso, busquei me aperfeiçoar nas pesquisas voltadas para saúde e tecnologia, o resultado está sendo a realização de um sonho. A ideia é essa mesmo, o aplicativo pode garantir que outras mulheres também realizem seus sonhos e isso é muito valioso, é vida”, declarou emocionada.

Importante

O autoexame NÃO basta para diagnosticar precocemente o câncer de mama, serve para autoconhecimento do corpo. Apenas o toque não apresenta eficácia para a detecção efetiva do tumor. O importante é saber o que é normal nas mamas e, diante de qualquer sinal de mudança, procurar um hospital de referência mais próximo.


Comentar usando