Após liberação de público no RJ, CBF fará reunião sobre o assunto

A prefeitura permitiu o retorno gradual de público nos estádios

Após liberação de público no RJ, CBF fará reunião sobre o assunto

A prefeitura permitiu o retorno gradual de público nos estádios

Por Agência Brasil | Edição do dia 8 de setembro de 2021
Categoria: Esportes | Tags: ,,


A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) fará nesta quarta-feira (8) uma reunião extraordinária do Conselho Técnico que debaterá, entre outros assuntos, o retorno de público nos estádios em competições nacionais. O encontro vai acontecer após a Prefeitura do Rio de Janeiro liberar, de forma gradativa, a presença da torcida a partir do dia 15 de setembro, quando o Maracanã terá Flamengo e Grêmio pelas quartas de final da Copa do Brasil.

Sede da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) na Barra da Tijuca. Foto: Lucas Figueiredo/CBF

Apesar da liberação efetuada pela prefeitura, em princípio, os clubes precisam aprovar o retorno de público por meio de conselhos técnicos organizados pela entidade máxima do futebol.

Além disso, este confronto em 15 de setembro é válido pela Copa do Brasil, competição de formato mata-mata, neste caso, o protocolo da CBF não permitiria a reabertura dos portões para o público, tendo em vista que o jogo de ida, que aconteceu no mês passado em Porto Alegre, o mandante não pôde contar com torcedores. Estas questões serão debatidas no Conselho Técnico da CBF.

Ainda sobre a decisão da prefeitura, ficou definido que três eventos-teste serão realizados na cidade e cada um contará com aumento de público gradualmente. Flamengo e Grêmio (Copa do Brasil – 15/09) poderá contar com 35% da capacidade do estádio. Em 19 de setembro, teremos Flamengo e Grêmio pelo Campeonato Brasileiro e neste confronto será permitido a presença de 40% da acomodação. E no terceiro evento-teste, Flamengo e Barcelona de Guayaquil (Libertadores), teremos a possibilidade de 50% de torcida no interior do estádio, em 22 de setembro. Todos os três duelos serão disputados no Maracanã.

Para que os torcedores possam entrar no estádio, eles terão que se cadastrar em um sistema online, onde deverão inserir o comprovante de vacinação e teste RT-PCR ou antígeno para covid-19 com até 48 horas de antecedência do jogo, em laboratório credenciado pelo Flamengo. Somente se o exame der negativo, a compra poderá ser efetuada.

Durante a partida, os torcedores deverão manter distanciamento social de 1 metro em planos de assentos disponíveis, além de fazer o uso de máscaras. A Secretaria Municipal de Saúde ainda fará o acompanhamento dos espectadores por 15 dias após o jogo, a partir dos dados informados pelo laboratório.

A Prefeitura ainda diz que “o planejamento e monitoramento operacional nas proximidades e entrada do estádio no dia dos jogos, bem como a comunicação aos torcedores quanto à necessidade de cumprimento a códigos de conduta sanitária, serão de competência do organizador.”

Flamengo

O Flamengo, por meio de nota, disse que não cabe à CBF deliberar sobre o assunto.

“Desde que as autoridades públicas permitiram o retorno do futebol sem público, o Flamengo sustenta, de forma clara e inequívoca, que não cabe à CBF ou aos clubes deliberar acerca da existência ou não de público nos estádios, por não se tratar de matéria de sua competência desportiva”.

Em seguida, o clube carioca afirmou que não participará da reunião convocada pela entidade.

“Nesse contexto, o Flamengo, embora tenha sempre prazer em estar com os demais clubes e de estar presente na CBF, por uma questão de princípio e de lógica jurídica, não poderá aceitar a convocação feita, porque entende que seria um contrassenso participar de uma sessão deliberativa acerca de um tema que escapa à competência desportiva da CBF que está reservado às autoridades locais e colide com a decisão proferida pelo egrégio STJD, na pessoa de seu presidente”.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados