Após 27 dias internada, criança agredida pelo padrasto recebe alta no HEA

Ele chegou na unidade hospitalar em estado grave com queimaduras e lesões

Após 27 dias internada, criança agredida pelo padrasto recebe alta no HEA

Ele chegou na unidade hospitalar em estado grave com queimaduras e lesões

Por Assessoria | Edição do dia 20 de maio de 2021
Categoria: Alagoas


Foto: Reprodução

Depois de 27 dias internado no Hospital de Emergência do Agreste (HEA), em Arapiraca, o menino J.C, que completou seis anos no início deste mês, recebeu alta médica no fim da tarde desta última quarta (19). O momento foi de alegria e afetuosidade na enfermaria pediátrica do hospital.

Vítima de graves queimaduras nas nádegas, fratura na clavícula e hematomas pelo corpo, o menino chegou ao HEA em estado grave, debilitado e teve de passar por várias cirurgias durante o tratamento até a sua recuperação. Natural de Pão de Açúcar, no Sertão de Alagoas, ele sofreu agressões físicas que, segundo investigações policiais, teriam sido provocadas pelo padrasto.

Sempre acompanhado da mãe, a dona de casa Lucineide dos Santos, de 29 anos, o garoto conquistou o amor e o carinho de toda equipe médica e dos servidores do HE do Agreste. De acordo com a equipe multidisciplinar da unidade hospitalar, além de simpático, J.C. é muito comunicativo e peralta, mesmo em momentos mais delicados durante o tratamento.

J.C e a mãe também receberam acompanhamento psicológico, devido aos traumas vivenciados pelas agressões do ex-companheiro de Lucineide dos Santos.

Festa – Tanta empatia rendeu ao menino alguns presentes, dentre eles a festa de seis anos que foi comemorada com muita alegria e direito a bolo de aniversário na enfermaria do hospital.

A saída de J.C, no fim da tarde desta quarta-feira (19), após a alta médica, foi acompanhada por representantes do Conselho Tutelar de Atalaia, onde a avó do garoto mora com outra neta de nove anos e irmã do menino.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados