Alagoas recebe 30.600 doses de vacinas da Pfizer pediátrica

Imunizante deve ser usado para vacinar crianças de cinco a 11 anos

Alagoas recebe 30.600 doses de vacinas da Pfizer pediátrica

Imunizante deve ser usado para vacinar crianças de cinco a 11 anos

Por Assessoria | Edição do dia 10 de fevereiro de 2022
Categoria: Alagoas, Coronavírus, Saúde | Tags: ,,,,


Para dar continuidade à imunização das crianças de cinco a 11 anos contra a Covid-19, Alagoas recebeu, nesta quinta-feira (10), o quinto lote de vacinas da Pfizer Pediátrica. Desta vez, o Ministério da Saúde enviou 30.600 doses do imunizante, que desembarcaram no Aeroporto Internacional Zumbi dos Palmares, em Maceió.

Foto: Olival Santos.

Para facilitar a identificação da Pfizer Pediátrica, as tampas dos frascos possuem a cor laranja, diferente dos imunizantes da Pfizer destinada para as demais faixas etárias, cuja tampa tem cor roxa. É importante ressaltar, ainda, que a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) garante que a vacina é segura e eficaz para o público infantil.

Liberação para municípios – Após a chegada, os imunizantes tiveram a temperatura aferida, foram contabilizados e armazenados na sede do Programa Nacional de Imunização (PNI) em Alagoas. O órgão é vinculado à Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) e está localizado no bairro Farol, em Maceió.

Com isso, as novas doses serão liberadas aos municípios à medida que as Secretarias Municipais de Saúde (SMSs) realizarem as solicitações. Também é necessário realizar os agendamentos, por meio do Sistema de Informações de Insumos Estratégicos (SIES).

Os 56 municípios da I Macrorregião de Saúde, formada por Maceió e pelos municípios dos Litorais Norte e Sul, Zona da Mata e Vale do Paraíba, devem agendar a retirada das vacinas por meio do endereço eletrônico. Já os 46 municípios da II Macrorregião de Saúde, formada pelo Agreste, Sertão e Baixo São Francisco, deverão realizar o agendamento por este e-mail

O secretário de Estado da Saúde, Alexandre Ayres, apela para que a população leve as crianças para se vacinarem. “Qualquer um pode ser vítima da Covid-19, incluindo as crianças. Peço, então, para que os adultos levem os pequenos aos postos de vacinação do respectivo município. Quanto mais pessoas vacinadas, menor é o número de internações e mortes pelo novo coronavírus”, afirmou.

O gestor lembrou também que os adultos devem concluir os seus ciclos vacinais com as três doses dos imunizantes disponíveis contra a Covid-19. “O número de internações voltou a subir e a maior parte dos alagoanos que está internado por Covid-19 não se vacinou ou não completou o esquema vacinal. Isso não acontece por acaso, porque é a vacina que diminui significativamente as chances de agravamento e morte. Vacina salva vidas”, concluiu Ayres.

Deixe uma resposta

Publicidade
 
 
Publicidade

2019 O dia mais - Todos os direitos reservados